sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Pedidos de asilo na Alemanha baixaram 66% em março

O número de novos pedidos de asilo na Alemanha - principal destino para os refugiados no ano passado - baixou 66% em março para cerca de 20.000, disse hoje o ministro do Interior, Thomas de Maiziere.

Migrantes atravessam a fronteira entre a Áustria e a Alemanha.

Migrantes atravessam a fronteira entre a Áustria e a Alemanha.

© Michaela Rehle / Reuters

"Em dezembro de 2015 eram 120.000 pessoas, em janeiro 90.000, em fevereiro 60.000, e em março 20.000", afirmou, citando o número mensal de registos no sistema EASY, que contabiliza os migrantes que preveem apresentar um pedido de asilo.

As declarações de Thomas de Maiziere surgem algumas semanas após o encerramento da rota de migração dos Balcãs.

A chanceler Angela Merkel, que abriu as portas do país a 1,1 milhões de requerentes de asilo em 2015, prometeu, num contexto de contestação na Alemanha, uma diminuição na chegada de migrantes através de soluções europeias e de um acordo com a Turquia. Recusou, no entanto, estabelecer quotas de entrada.

Lusa

  • Marcelo na peregrinação de Nossa Senhora de Fátima no Luxemburgo

    Mundo

    O Presidente da República participou esta quinta-feira, a título privado, na peregrinação em honra de Nossa Senhora de Fátima, na cidade luxemburguesa de Wiltz. Milhares de portugueses receberam Marcelo Rebelo de Sousa, que assistiu à missa e, durante alguns minutos, participou na procissão.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • Porque é que Melania e Ivanka vestiram preto para conhecer o Papa

    Mundo

    Melania e Ivanka chegaram ao Vaticano de preto, uma escolha muito questionada. De vestidos longos e véus, as mulheres Trump seguiram assim o dress code aconselhado nas audiências com o Papa. Também Michelle Obama usou uma vestimenta do género, em 2009, quando visitou Bento XVI.