sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

UE aceitou mais de 333 mil refugiados em 2015, na maioria sírios

A União Europeia (UE) concedeu em 2015 proteção especial a 333.350 pessoas, mais 72 por cento do que em 2014, segundo dados hoje divulgados pelo Eurostat.

© Ina Fassbender / Reuters

Os principais beneficiários, na média dos 28 Estados-membros, são originários da Síria (166.100 pessoas, 50% do total de concessões de asilo), seguindo-se cidadãos da Eritreia (27 600, representando 8% do total) e do Iraque (23.700, 7% do total).

Segundo o gabinete oficial de estatísticas da UE, o número de atribuições de asilo a sírios duplicou face a 2014 e estes são ainda os principais beneficiários de proteção em mais de metade dos Estados-membros, sendo que a Alemanha acolheu mais de 60% no ano passado.

A Alemanha foi o país que maior número de refugiados acolheu (148. 215), seguindo-se a Suécia (34.470) e a Itália (29.630).

Portugal concedeu proteção a 195 pessoa, estando em 21.º lugar no número de atribuições de asilo.

Desde 2008, cerca de 1,1 milhões de requerentes de asilo viram o seu estatuto ser reconhecido na UE.

Lusa

  • "Vi o Bas Doost a jorrar sangue para o chão (...) revoltei-me!"
    3:28
  • "Esta semana parecia um filme de terror"
    2:24

    Desporto

    O treinador do Sporting falou pela primeira vez à imprensa desde as agressões de que foi alvo em Alcochete. Jorge Jesus disse que a última semana "parecia um filme de terror" e deixou um agradecimento especial aos adeptos e à "capacidade emocional" dos jogadores.

  • Já se pode pescar sardinha mas há limitações

    País

    A proibição da pesca da sardinha termina hoje, podendo, até 31 de julho, os pescadores capturar 4.855 toneladas, com limites diários, medidas de proteção dos juvenis e monitorização da pescaria, disse à Lusa o Ministério do Mar.

  • Nicolas Maduro vence presidenciais na Venezuela

    Mundo

    O chefe de Estado venezuelano, Nicolas Maduro, foi declarado vencedor das eleições presidenciais de domingo pela autoridade eleitoral, com perto de 70% dos votos, depois de contados quase todos os boletins.

  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29