sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Polícia grega faz ações de despejo em campos de refugiados improvisados

Cerca de 300 polícias gregos estão hoje a realizar ações de despejo num acampamento com cerca de 1.800 refugiados perto da cidade de Polykastro, na fronteira com a Macedónia, segundo uma fonte policial.

Polícia vigia a fronteira entre a Grécia e a Macedónia, perto de Idomeni

Polícia vigia a fronteira entre a Grécia e a Macedónia, perto de Idomeni

© Marko Djurica / Reuters

"Três autocarros já estão prontos para partir" com refugiados para os centros de acolhimento na região, disse a fonte policial à agência France Presse (AFP), comentando que a operação está a decorrer pacificamente.

A mesma fonte adiantou que o objetivo é que o acampamento improvisado na estação de serviço de Pathe, situado a cerca de 20 quilómetros da fronteira com a Macedónia, fique vazio durante o dia de hoje.

A missão da polícia é acompanhar os refugiados até aos autocarros que os irão levar para os novos centros de acolhimento organizados pelo Governo, no norte do país, adiantou a agência de notícias grega AMNA que, juntamente com a televisão pública ERT, é o meio de comunicação social com acesso ao local.

Os últimos dados oficiais referem que estavam 1.828 refugiados naquele acampamento no posto de gasolina.

A operação deverá continuar noutro posto de gasolina na cidade fronteiriça de Evzoni, onde estão alojados 1.109 refugiados, e no hotel "Hara", localizado na mesma localidade, onde estão 827 pessoas.

O governo grego quer ainda desalojar, nas próximas semanas, quatro campos de refugiados improvisados, como fez no final de maio no campo de Idomeni, na fronteira da Grécia com a Macedónia.

A intenção do governo grego é instalar em centros organizados os mais de 57.000 refugiados que estão espalhados por todo o país.

Nas últimas semanas, as autoridades permitiram a abertura de novos abrigos e o governo anunciou a abertura, em breve, de mais 12 centros no país.

Lusa

  • AR começa hoje a votar OE e mais de 600 alterações dos partidos

    Orçamento do Estado 2018

    Entre os temas que deverão marcar os próximos dias de debate e das votações relativas à proposta orçamental de 2018, cuja votação final global será na segunda-feira, estão as medidas relacionadas com os incêndios, as alterações ao regime simplificado de IRS, as carreiras na função pública (e em especial a dos professores) e as cativações de despesa.

  • 10 Minutos com Alexandra Simeão: as mudanças em Angola
    10:37
  • "Estamos vivos"
    11:41
  • Notas e moedas têm os dias contados?
    6:27