sicnot

Perfil

Refugiados na Europa

Refugiados na Europa

Crise Migratória na Europa

Quase três mil refugiados mortos no Mediterrâneo desde o início do ano

© Darrin Zammit Lupi / Reuters

Quase três mil migrantes morreram no Mediterrâneo desde o início do ano, o número mais elevado de mortes registado num período tão curto, indicou hoje a Organização Internacional para as Migrações (OIM).

"Este é o terceiro ano consecutivo em que as vítimas mortais ultrapassam as três mil, mas nunca tinha sido registado antes do final de julho, o que é muito alarmante", disse o porta-voz da OIM em Genebra, Joel Millman.

Cerca de 90% destas mortes ocorreram na zona central do mar Mediterrâneo, entre a Líbia e Itália.

Em quase todos os casos, os migrantes eram oriundos de países da África subsaariana.

A crise dos refugiados na Europa começou há quatro anos.

Lusa

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.