sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Estado Islâmico executa 35 pessoas no Iraque

O grupo extremista Estado Islâmico executou 35 pessoas na província iraquiana de Al Anbar, entre polícias e familiares dos agentes, como mulheres e crianças, disse fonte policial.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Stringer . / Reuters

De acordo com a fonte da polícia local citada pela agência espanhola EFE, 18 das vítimas eram polícias e as restantes 17 pessoas eram familiares dos agentes.

Os polícias, que foram baleados até à morte, terão sido acusados pelo grupo Estado Islâmico de pertencer às forças governamentais, enquanto os seus familiares terão sido assassinados por ajudar e apoiar as forças do governo.

Depois desta execução na zona de Albu Farach, centenas de famílias abandonaram a zona com medo dos radicais do Estado Islâmico.

Vários líderes tribais da província iraquiana de Al Anbar avisaram para a possibilidade de o grupo autodenominado Estado Islâmico prosseguir com "matanças" caso o governo não envie reforços e armas para a região para deter os terroristas, que controlam já partes importantes desta zona do Iraque.

Na sexta-feira, o grupo Estado Islâmico lançou um ataque contra a zona de Albu Farach, separada de Ramadi pelo rio Eufrates, conseguindo tomar o controlo de amplas zonas, depois de intensos combates com as forças de segurança.


Lusa
  • Polícia belga evita ataque em Antuérpia

    Mundo

    Foi hoje detido um homem que tentava conduzir a alta velocidade contra uma multidão numa zona comercial de Antuérpia, na Bélgica. O suspeito já foi identificado, é francês e tinha várias armas no carro.

    Em desenvolvimento

  • Neve corta estradas em Viseu
    2:04
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • As vantagens de comprar online
    8:03