sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Pena de morte no Egito para 12 pessoas ligadas ao grupo Estado Islâmico

Um tribunal egípcio confirmou hoje, após receber o parecer do Mufti do Egito, a pena de morte para 12 pessoas acusadas de pertencer ao grupo 'jihadista' Estado Islâmico e de ter planeado ataques contra a polícia e o exército.

© Mohamed Abd El Ghany / Reuter

No mês passado, o tribunal da província de Charkiya, no norte do país, condenara à pena de morte este grupo de pessoas consideradas culpadas de se terem aliado ao grupo extremista Estado Islâmico (EI), formado uma "célula terrorista" no Egito e planeado atentados contra a polícia e o exército.

Seis elementos do grupo encontram-se encarcerados e os outros seis foram julgados e condenados à revelia.

Nos termos da lei egípcia, as penas de morte proferidas devem obter o parecer, não vinculativo, do Mufti do Egito antes de serem confirmadas ou comutadas.

Desde que o exército destituiu o Presidente islâmico Mohamed Morsi, em 2013, os grupos 'jihadistas' multiplicaram os atentados contra as forças de segurança, dizendo agir em retaliação à sangrenta repressão lançada contra os apoiantes de Morsi e que fez mais de 1.400 mortos.

Centenas de polícias e soldados foram mortos em ataques 'jihadistas' nos últimos meses, em particular no norte do país e na península do Sinai, bastião do braço egípcio do EI.

Lusa

  • Troika nem sempre protegeu os mais vulneráveis - avaliação interna ao FMI

    Economia

    O organismo de avaliação independente do FMI concluiu que as medidas aplicadas pela 'troika' em Portugal nem sempre protegeram as pessoas com menos rendimentos, apontando que a primeira preocupação do Fundo era a redução dos défices, apurou o gabinete independente de avaliação do Fundo Monetário Internacional (FMI),

  • 64, 65 ou 73, afinal quantas são as vítimas de Pedrógão?
    1:27
  • Enfermeiros suspendem greve e protesto

    País

    Os enfermeiros decidiram esta segunda-feira suspender a greve de zelo e o protesto contra o não pagamento do trabalho especializado, devido ao compromisso do Governo de iniciar negociações sobre matérias como horários de trabalho e remunerações, indicou fonte sindical.

  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC