sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh perdeu um terço do território no Iraque e Síria

O Daesh perdeu cerca de um terço do território que controlava no Iraque e na Síria, segundo informação divulgada hoje pela coligação liderada pelos Estados Unidos.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Stringer . / Reuters

No Iraque, a perda de território ocupado pelo Daesh "é de cerca de 40%", revelou o coronel Steve Warren, porta-voz da coligação internacional que leva a cabo ataques aéreos diários contra a organização extremista e providencia treino e armas para que forças locais combatam o grupo.

"Na Síria ... pensamos que [a perda] é em torno de 20%", acrescentou Warren, segundo o qual, considerando os dois países, a organização perdeu "30% do território" total que chegou a ocupar.

Quando o tamanho do alegado califado que o Daesh proclamou há ano e meio estava no seu máximo, o Iraque tinha uma área ocupada ligeiramente superior à da Síria.

Desde que assumiu o controlo de Ramadi, no Iraque, e de Palmira, na Síria, em maio passado, o Daesh tem vindo a recuar, com diversas forças iraquianas a recuperarem os principais centros urbanos, incluindo Ramadi, na semana passada.

Lusa

  • "O FC Porto não merece ser campeão"
    2:23
    Play-Off

    Play-Off

    DOMINGO 22:00

    O empate do FC Porto com o Feirense foi o principal assunto do Play-Off da SIC Notícias, este domingo. Rodolfo Reis mostrou-se insatisfeito com a atitude dos jogadores do FC Porto.

  • Uma volta a Portugal. De bicicleta mas sem licra

    País

    Um grupo de professores propõe-se a repetir o percurso da 1.ª Volta a Portugal em Bicicleta, 90 anos depois. Não se trata de uma corrida, pelo contrário querem provar que qualquer um o pode fazer e promover o uso da bicicleta como meio de transporte pessoal. “Dar a volta” parte para a estrada esta quarta-feira, de Lisboa a Setúbal, tal como em 26 de abril de 1927.

    Ricardo Rosa

  • Défice recua em 2016 na zona euro e na UE

    Economia

    O défice e a dívida baixaram na zona euro e na União Europeia (UE) em 2016 face a 2015, tendo Portugal registado a terceira maior dívida (130,4%) entre os Estados-membros e um défice de 2%, segundo o Eurostat.