sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh perdeu um terço do território no Iraque e Síria

O Daesh perdeu cerca de um terço do território que controlava no Iraque e na Síria, segundo informação divulgada hoje pela coligação liderada pelos Estados Unidos.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Stringer . / Reuters

No Iraque, a perda de território ocupado pelo Daesh "é de cerca de 40%", revelou o coronel Steve Warren, porta-voz da coligação internacional que leva a cabo ataques aéreos diários contra a organização extremista e providencia treino e armas para que forças locais combatam o grupo.

"Na Síria ... pensamos que [a perda] é em torno de 20%", acrescentou Warren, segundo o qual, considerando os dois países, a organização perdeu "30% do território" total que chegou a ocupar.

Quando o tamanho do alegado califado que o Daesh proclamou há ano e meio estava no seu máximo, o Iraque tinha uma área ocupada ligeiramente superior à da Síria.

Desde que assumiu o controlo de Ramadi, no Iraque, e de Palmira, na Síria, em maio passado, o Daesh tem vindo a recuar, com diversas forças iraquianas a recuperarem os principais centros urbanos, incluindo Ramadi, na semana passada.

Lusa

  • Tiroteio no Mississipi provoca oito mortos
    1:23

    Mundo

    Oito pessoas morreram, incluindo um polícia, depois de um tiroteio no estado norte-americano do Mississipi, nos Estados Unidos da América. O suspeito, um homem de 36 anos, já foi detido, mas as autoridades dizem que ainda é cedo para saber os motivos.

  • Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas
    1:40

    Economia

    Carlos Moedas diz que Portugal vai voltar a poder levantar a voz em Bruxelas a propósito da saída do procedimento por défice excessivo. Em entrevista ao Diário de Notícias e à TSF, o comissário europeu levanta dúvidas sobre a renegociação da dívida e garante que a escolha de Mário Centeno para a liderança do Eurogrupo vai depender do entendimento dos países do euro.

  • Trump adia decisão sobre permanência nos acordos de Paris
    1:48
  • Polícia usa gás lacrimogéneo para dispersar manifestantes contra cimeira do G7
    2:28

    Mundo

    A cimeira do G7 terminou este sábado com confrontos entre manifestantes e a polícia na ilha italiana da Sicília e sem o compromisso de Donald Trump sobre o Acordo de Paris para a redução de emissões de dióxido de carbono. O Presidente dos EUA fez saber na rede social Twitter que vai tomar a decisão final durante a próxima semana.