sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Atacante morto em Paris terá jurado "obediência" ao grupo Daesh

O homem abatido esta manhã em Paris frente a uma esquadra da polícia já foi identificado e terá jurado "obediência" ao grupo 'jihadista' Daesh, referiram fontes da investigação citadas pela agência noticiosa AFP.

© Charles Platiau / Reuters

De acordo com os responsáveis pelo inquérito, o atacante trazia consigo um papel que mencionava, em árabe, a sua "obediência" ao chefe do grupo 'jihadista', Abou Bakr al-Baghdadi, justificando o seu ato como uma vingança pelos "ataques na Síria".

Antes desta revelação, o procurador de Paris tinha já indicado que no referido papel figurava uma bandeira do Daesh e "uma reivindicação manuscrita inequívoca em árabe".

Os mesmos responsáveis referiram que o atacante também é conhecido dos serviços policiais por um caso de roubo ocorrido em 2013 no sul de França.

No momento em que decorreram estes factos, o homem identificou-se como Sallah Ali, nascido em 1955 em Casablanca, Marrocos, e sem residência fixa. As suas impressões digitais ficaram desde então registadas no Ficheiro Automatizado das Impressões Digitais (FAED), ainda segundo responsáveis pelo inquérito.

O homem foi abatido em frente da esquadra de polícia do bairro parisiense de Goutte D'Or quando tentou entrar nas instalações.

O Ministério Público tinha confirmado anteriormente relatos de testemunhas segundo os quais o atacante gritou "Allahu Akbar" (Alá é grande), que estava armado com uma faca e envergava um falso colete de explosivos.

O incidente ocorreu no dia do primeiro aniversário do ataque à redação do jornal satírico Charlie Hebdo.

Lusa

  • Portugal a tremer de frio
    3:07

    País

    Portugal continua a registar temperaturas negativas, sobretudo no Norte do país. Em Trás-os-Montes, por exemplo, marcaram mínimas de 11 graus abaixo de zero e os termómetros desceram tanto que congelaram rios, canalizações de água e até aquecimentos de escolas. Mas nem tudo é mau pois os produtores falam em boa época para curar fumeiro.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Podem as plantas ver, ouvir e até reagir?

    Mundo

    Um professor de Ciências Vegetais da Universidade de Missouri, nos Estados Unidos, passou quatro décadas a investigar as relações entre vegetais e insetos. Na visão de Jack Schultz, as plantas são "como animais muito lentos", que conseguem ver, ouvir, cheirar e até têm comportamentos próprios.

  • Zoo da Indonésia acusado de querer matar ursos à fome

    Mundo

    Um grupo de ativistas da Indonésia acusa o Jardim Zoológico de Bandung de estar a matar à fome os seus animais, incluindo os ursos-do-sol, para ser fechado. Um vídeo recentemente publicado mostra os ursos, que aparecem muito magros e a implorar por comida.