sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Obama compromete-se a combater o Daesh na Líbia

O Presidente norte-americano, Barack Obama, garantiu hoje que os Estados Unidos vão combater o Daesh noutros países além da Síria e do Iraque, se necessário, salientando o crescente foco na Líbia.

© Kevin Lamarque / Reuters

Obama convocou o Conselho de Segurança Nacional para discutir a situação na Líbia, devido aos receios de que um vazio de governação no país norte-africano o torne vulnerável à presença do Daesh.

"O Presidente enfatizou que os Estados Unidos vão continuar a combater terroristas do Daesh em todos os países que seja necessário", disse a Casa Branca após o encontro.

"O Presidente direcionou a sua equipa de segurança nacional para continuar os seus trabalhos de fortalecimento da governação e de contínuos esforços de combate ao terrorismo na Líbia e noutros países onde o Daesh tem procurado estabelecer presença", acrescentou.

A Líbia atravessa um período de instabilidade e violência desde que o ditador Moamer Kadhafi foi deposto, em 2011.

O país tem atualmente dois governos e dois parlamentos, com as autoridades reconhecidas baseadas na cidade de Tobruk e as apoiadas pelas milícias em Tripoli.

Lusa

  • Solução governativa à esquerda "devolveu tranquilidade à sociedade"
    0:58

    País

    O primeiro-ministro diz que a atual solução de Governo deve continuar tendo vantagens por ser como é. Ao Expresso, António Costa manifestou-se "muito satisfeito" com a solução governativa encontrada e afirmou que esta "não depende de haver ou não maioria" absoluta na próxima legislatura.

  • O regresso a casa depois do incêndio no Sardoal
    2:43