sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

CIA afirma que Daesh se tornou numa ameaça terrorista mundial

O diretor dos serviços de informações dos Estados Unidos disse hoje que o Daesh (autoproclamado Estado Islâmico) se tornou a principal ameaça terrorista mundial com uma "crescente capacidade" para lançar ataques em todo o mundo.

Conquista de Mosul, Iraque, em junho de 2014.

Conquista de Mosul, Iraque, em junho de 2014.

© STRINGER Iraq / Reuters

No relatório anual das ameaças globais, James Clapper refere que extremistas com base nos Estados Unidos representam "a ameaça terrorista mais significativa".

Estes "extremistas violentos" podem ter inspirado os ataques terroristas, em 2015, nas bases militares de Chattanooga, em Tennessee, e em San Bernardino, na Califórnia.

James Clapper refere que estes terroristas são influenciados por "meios altamente sofisticados" do grupo radical Daesh e por "indivíduos nos Estados Unidos ou no exterior que recebem orientações diretas e específica dos membros Daesh".

No documento, o diretor dos serviços de informações dos EUA adianta que a ameaça do Daesh aumenta à medida que se expande para a Líbia e constrói uma rede global de células terroristas, simpatizantes e grupos armados aliados.

"O Estado Islâmico do Iraque e do Levante (Daesh) tornou-se a ameaça terrorista predominante por causa do autoproclamado califado na Síria e no Iraque, ramificações em outros países e a sua crescente capacidade para dirigir e inspirar ataques contra uma ampla gama de alvos no mundo", disse.

Lusa

  • Da Al-Qaeda do Iraque ao Daesh

    Daesh

    Daesh é a mais recente denominação de um grupo radical islâmico (sunita) que pretende instituir um califado – um Estado dirigido por um único poder político e religioso regulamentado pela lei islâmica, a Sharia. Ainda limitado ao território conquistado à Síria e ao norte e oeste do Iraque, promete expandir-se e “quebrar as fronteiras” da Jordânia e do Líbano e “libertar” a Palestina. É liderado por Ibrahim Awad Ibrahim Ali al-Badri al-Samarrai, conhecido como Abu Bakr al-Baghdadi, desde 2010, altura em que se chamava Al-Qaeda do Iraque e depois Estado Islâmico do Iraque. Em abril de 2013 o nome do grupo foi alterado para Daesh - Estado Islâmico do Iraque e Levante (ISIL em português, ISIS em inglês), quando agrupou a Al-Qaeda do Iraque e um ramo dissidente do grupo sírio Frente al-Nusra, constituído para combater o Presidente sírio Bashar al-Assad. A designação Estado Islâmico é anunciada em Junho de 2014 com a instituição do autodenominado califado e al-Baghdadi é proclamado califa Ibrahim.

  • Younes Abouyaaqoub, o homem mais procurado de Espanha
    1:53
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22