sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

ONU avisa que o "Daesh está a propagar-se como um cancro"

O grupo extremista Estado Islâmico (EI) "está a propagar-se como um cancro" por todo o mundo, alertou hoje o secretário-geral da ONU, enquanto o mediador da organização para a Síria comparava os 'jihadistas' ao vírus Ébola.

(Arquivo)

(Arquivo)

STR

"O ISIL (acrónimo inglês para designar o grupo 'jihadista' Estado Islâmico) e todos os outros extremistas estão atualmente a propagar-se como um cancro por todo o mundo", declarou Ban Ki-Moon à imprensa, por ocasião de uma conferência internacional, em Genebra, sobre a prevenção do extremismo violento.

Por isso, frisou, "devemos pôr a prevenção em primeiro plano nos nossos esforços. Existem provas que mostram que um reforço da segurança e uma resposta militar não são, por si só, suficientes para derrubar este flagelo".

Falando na conferência de Genebra, o enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, explicou que enquanto a comunidade internacional deixar que um conflito se prolongue, o EI ou o "terrorismo internacional" vão aí infiltrar "o seu ADN".

"Eles são oportunistas, são como o Ébola. Estão à procura de um corpo frágil e penetram nele", afirmou, sublinhando todavia que é possível detê-los graças a diversos "medicamentos", como desenvolver a cooperação internacional, ajudar as populações, elaborar uma solução política, dar uma resposta militar e de segurança e impedir os terroristas de ter acesso ao seu financiamento.

Na conferência, que reuniu desde quinta-feira mais de 600 pessoas, entre as quais cerca de 30 ministros e vice-ministros, Ban Ki-moon apelou aos Estados para que apliquem políticas nacionais assentes nas cerca de 70 recomendações do plano de ação contra o extremismo violento apresentado pela ONU em janeiro.

Tais recomendações, que são muitas vezes bastante vagas ou foram já aplicadas em diversos países, vão de ações para combater a radicalização dos jovens a "programas de readaptação" dos estrangeiros recrutados por grupos 'jihadistas', passando por "uma polícia de proximidade".

Os líderes religiosos são instados a pregar a tolerância e as empresas fornecedoras de internet -- utensílio predileto da propaganda extremista -- são simplesmente "convidadas a apoiar as iniciativas de prevenção".

O secretário-geral da ONU indicou que vai criar "um grupo de ação de alto nível mobilizando todo o sistema das Nações Unidas" para concretizar "os esforços" exigidos pelo plano de ação e exortou os Estados a "uma maior cooperação internacional".

Lusa

  • Trump convida Putin a visitar EUA

    Mundo

    O Presidente dos EUA, Donald Trump convidou o homólogo russo a visitar a Casa Branca e Vladimir Putin ter-se-á mostrado disponível a visitar o país em breve, segundo a agência de notícia russa RIA Novosti que cita o chefe da diplomacia de Moscovo.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • Hoje é notícia 

    País

    O PSD leva a debate parlamentar a reprogramação do atual quadro comunitário, desafiando os partidos a pronunciarem-se sobre a proposta inicial do Governo, que considera "não servir o país". Os parceiros sociais e o Governo reúnem-se na Concertação Social para discutirem o Programa Nacional de Reformas. O Sporting de Braga procura alcançar o Sporting no 3º lugar da I Liga, ao defrontar o Marítimo na abertura da 31.ª jornada.

  • 45 anos de Partido Socialista
    3:31

    País

    O PS completou 45 anos esta quinta-feira. Acaso ou não, a festa aconteceu um dia depois de terem ficado concluídos dois acordos com o PSD que fazem renascer o debate sobre o posicionamento ideológico do partido socialista.

  • Senado aprova à tangente novo diretor da NASA

    Mundo

    O Senado norte-americano aprovou na quinta-feira, à tangente, a nomeação do novo diretor da agência espacial norte-americana, com 50 votos favoráveis contra 49, colocando à frente da NASA um cético das alterações climáticas, adiantou a Efe.

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
    Mudar de Vida

    Mudar de Vida

    5ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    No "Mudar de Vida" desta quinta-feira damos a conhecer mais um caso de quem teve coragem de arriscar e procurar um novo futuro. Susana Moraes é uma economista que decidiu seguir a paixão pela dança. 

  • Mágico comove audiência do Britain's Got Talent com a história de cancro da mulher e da filha
    5:16
  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC