sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Real Madrid lamenta a morte dos adeptos em atentado no Iraque

O Real Madrid lamentou hoje o atentado a uma associação de adeptos madridistas, em Balad, a norte de Bagdade, Iraque, que vitimou 16 pessoas e fez 20 feridos, comunicou o clube blanco no seu sítio oficial.

"O Real Madrid oferece o seu afeto e as suas condolências aos familiares e amigos das vítimas", declarou o clube espanhol após um ataque do Daesh a um café, sede do grupo em Balad, uma localidade de maioria xiita situada a norte de Bagdad.

O atentado, foi perpetrado por "cinco ou seis" homens armados com metralhadoras, segundo fontes policiais e médicas iraquianas.

Lamentando "profundamente a injustiça desmedida de uma violência extrema", o Real Madrid anunciou que os jogadores da equipa principal usarão uma braçadeira negra, como sinal de luto, no último encontro da Liga espanhola, no Riazor, estádio do Deportivo da Corunha.

"O futebol e o desporto serão sempre territórios de encontro, concórdia e paz. O madridismo chora hoje pelos seus adeptos, que não esquecerá".

Com Lusa

  • Dono de submarino é o único suspeito da morte de jornalista sueca
    1:51

    Mundo

    A polícia dinamarquesa confirmou que o corpo decapitado encontrado junto ao mar, perto de Copenhaga, é o da jornalista sueca desaparecida há mais de 10 dias. Kim Wall estava a fazer uma reportagem sobre um submarino artesanal com o criador, que é agora o principal suspeito do crime. Parte do corpo foi encontrada na segunda-feira e identificada através de exames de ADN.