sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Daesh divulga vídeo com suposto autor de ataque na Alemanha

O grupo extremista Daesh divulgou hoje um vídeo em que alegadamente surge o autor do ataque num comboio alemão na segunda-feira, afirmando que iria perseguir o que chama de países infiéis.

Com legendas em árabe, o vídeo supostamente mostra o afegão de 17 anos que na segunda-feira atacou com um machado os passageiros de um comboio regional, causando 11 feridos.

Nas imagens difundidas pela agência Amaq, ligada ao grupo extremista, "Mohammed Riyadh", de faca na mão, ameaça que vai levar a cabo uma operação na Alemanha e declara-se "soldado do califado".

"Vou degolar-vos com esta faca e cortar-vos o pescoço com machados", declara o homem no vídeo, cuja autenticidade ainda não foi comprovada.

O Daesh tinha afirmado hoje que o afegão, abatido a tiro pela polícia, era um dos combatentes do grupo extremista.

Um desenho de uma bandeira do grupo extremista foi encontrado no quarto do cidadão afegão, disse hoje o ministro do Interior alemão.

O ministro disse ao canal de televisão pública ZDF que, além do desenho da bandeira do Daesh, o jovem afegão gritou "Allhah Akbar" quando atacava os passageiros do comboio regional em Wuerzburg, na Baviera, com um machado e uma faca.


Lusa

  • Daesh diz que ataque a comboio é resposta à ofensiva contra o grupo
    1:53

    Daesh

    O Daesh já reivindicou o ataque de ontem à noite num comboio, na Alemanha. Um afegão de 17 anos atacou vários passageiros com uma faca e um machado, antes de fugir do comboio. O atacante acabou por ser abatido pela polícia, enquanto tentava fugir do local do crime. O Daesh disse que o ataque foi uma resposta à ofensiva contra o grupo extremista no Iraque e na Síria. Cinco pessoas ficaram feridas com gravidade e mais de uma dezena recebeu assistência em estado de choque.

  • "O bom senso obriga a acordo para a estabilização do sistema financeiro"
    2:06

    Economia

    O Presidente da República disse esta quarta-feira que "o bom senso obriga a que todos estejam de acordo para a estabilização do sistema financeiro". Num aparente recado a Passos Coelho, Marcelo apelou a um consenso de regime e avisou que "não há prazer tático que justifique o desgaste" provocado pelas divisões atuais.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.