sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Erdogan diz que Turquia luta contra jihadistas e curdos com "a mesma determinação"

O Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, assegurou este domingo que Ancara irá combater com a mesma energia o Daesh e os combatentes curdos-sírios.

Erdogan falava num comício na cidade de Gaziantep (sul da Turquia), ao quinto dia da ofensiva turca na Síria que já fez dezenas de mortos.

"Vamos contribuir para retirar o Daesh [acrónimo árabe do grupo "jihadista" Estado Islâmico] da Síria", afirmou.

"Para o Partido da União Democrática Curda (PYD) teremos a mesma determinação", referiu o chefe de Estado turco em Gaziantep, cidade perto da fronteira síria onde ocorreu há uma semana um ataque contra um casamento que provocou 55 mortos.

O governo de Ancara acusa o PYD, a principal milícia curda na Síria, de organizar ataques em território turco em colaboração com o Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), movimento dos rebeldes separatistas curdos que Ancara qualifica como uma organização terrorista.

"Não vamos aceitar nenhuma atividade terrorista dentro, ou perto, das nossas fronteiras", insistiu o Presidente turco.

Ancara lançou na madrugada de quarta-feira a operação "Escudo do Eufrates" em território sírio que visa simultaneamente o grupo extremista Estado Islâmico e os curdos, quer do Partido da União Democrática Curda (PYD), quer da milícia Unidades de Proteção do Povo (YPG).

Lusa

  • Seca extrema agrava-se no interior alentejano, produção de trigo pode cair 40%
    6:22

    País

    A falta de chuva está a provocar prejuízos na agricultura, em especial no setor dos cereais, como o trigo que, este ano, deverá registar uma quebra de 40% na produção. O repórter Luís Godinho convidou o agricultor e professor de Ciências Agrárias na Universidade de Évora, Ricardo Freixial, para explicar os prejuízos que a seca está a provocar nas culturas e a sustentabilidade da agricultura portuguesa perante as alterações climáticas.