sicnot

Perfil

Daesh

Daesh

Daesh

Rebeldes controlam 35% de Raqa, ONU com novos acessos para ajuda

Goran Tomasevic

A batalha para expulsar os jihadistas de Raqa, bastião do Daesh na Síria, já permitiu às forças rebeldes controlar cerca de 35% da cidade e à ONU abrir novas rotas para a entrega de ajuda alimentar.

As Forças Democráticas da Síria (FDS), uma aliança de milícias árabes e curdas apoiada pelos Estados Unidos da América, combatem atualmente no centro da cidade, cerca de metade do qual escapa ao controlo dos jihadistas, segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Nos últimos dias, chegaram a Raqa e arredores dezenas de camiões com equipamento militar e munições para as FDS, para a ofensiva lançada a 6 de junho contra a cidade proclamada "capital" do Daesh em 2014.

Os progressos no combate aos jihadistas permitiram ao Programa Alimentar Mundial (PAM) entregar ajuda alimentar a zonas rurais dos arredores norte de Raqa pela primeira vez em três anos.

Segundo esta agência da ONU, a ajuda alimentar está agora a chegar mensalmente a quase 200.000 pessoas em oito localidades remotas da província de Raqa.

"Substituir as pontes aéreas por entregas por estrada vai permitir-nos poupar 19 milhões de dólares por ano [16,6 milhões de euros], uma vez que cada camião transporta o mesmo carregamento de alimentos a um custo significativamente mais baixo", explicou Jakob Kern, representante do PAM na Síria.

Com Lusa

  • Encontrados destroços do avião que caiu no Irão

    Mundo

    As autoridades iranianas encontraram destroços do avião que caiu no domingo no sudeste do país, matando as 66 pessoas que seguiam a bordo, revelou um porta-voz da Guarda Revolucionária, o exército de elite do regime.

  • 2,6 milhões de bebés morrem antes de completar um mês

    Mundo

    Os recém-nascidos no Paquistão, República Centro-Africana e Afeganistão são os que têm menor probabilidade de sobreviver, de acordo com um relatório da Unicef que revela que todos os anos 2,6 milhões de crianças morrem antes de completar um mês. Sobretudo nos países mais pobres do mundo, o número de mortes de recém-nascidos a nível global mantém-se assustadoramente elevado.

  • Galp regista lucro de 602 M€ em 2017 

    Economia

    A Galp registou um lucro de 602 milhões de euros no ano passado. Uma subida de 25 por cento em relação a 2016. De acordo com a empresa, os resultados devem-se sobretudo ao aumento da produção de petróleo e gás natural no Brasil, bem como o crescimento dos negócios da refinação e distribuição.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC