sicnot

Perfil

Eleições França 2017

Franco-portugueses na corrida ao Parlamento em nome de Macron

Pelo menos seis nomes portugueses constam da lista de 428 candidatos às eleições legislativas em França apresentada hoje pelo movimento A República em Marcha, do presidente eleito Emmanuel Macron.

Paulo da Silva Moreira, de 52 anos, é candidato na primeira circunscrição de Yonne, no distrito da Borgonha, sendo um médico generalista e presidente da câmara de Treigny, a cerca de 200 quilómetros a sul de Paris.

Com um português fluente, Paulo da Silva Moreira, que nasceu em Cascais e veio para Paris com cinco anos, disse à Lusa que acredita que pode chegar à Assembleia francesa porque conta com o apoio da população, dos socialistas locais e até dos futebolistas.

"Tenho esperança porque na equipa tenho vários presidentes de câmara ligados à minha candidatura, tenho apoios de futebolistas, o clube de Auxerre joga na 2ª divisão. Não estou sozinho, tenho uma equipa que trabalha comigo e estou confiante. E quando nos candidatamos com a etiqueta da maioria presidencial temos uma hipótese acrescida", afirmou à Lusa o médico, agora candidato.

Antes das primárias do Partido Socialista (PS), Paulo da Silva Moreira tinha sido contactado para se candidatar "sob a bandeira socialista", mas após a vitória de Benoît Hamon decidiu aliar-se a Emmanuel Macron.

O franco-português tem uma casa em Portugal e vai "várias vezes por ano" ao país onde nasceu, tendo também "doentes portugueses" e mantendo uma ligação com a pequena comunidade portuguesa da sua região.

Outro nome português na lista do La Republique en Marche é Dominique da Silva, um empresário de 48 anos, vereador na cidade de Moisselles, nos arredores de Paris, desde 2008, e candidato às eleições legislativas pela 7ª circunscrição do Val d´Oise, na região parisiense.

Dominique da Silva nasceu em França, tem dupla nacionalidade e raízes familiares em Barcelos e na Póvoa do Varzim, esperando contribuir para mudar a forma de fazer política porque "os eleitores hoje não confiam verdadeiramente nos políticos que têm experiência, querem reformas profundas e audaciosas".

"Estou confiante porque o "En Marche" abala todos os partidos políticos tradicionais. Decidi ser candidato porque espero mudar a forma de fazer política sem tomar em consideração o fosso entre a esquerda e a direita mas apenas a eficácia das medidas propostas", disse o candidato à agência Lusa.

De acordo com Jean-Paul Delevoye, presidente da comissão de nomeações do A República em Marcha, o movimento recebeu 19 mil candidaturas, tendo hoje sido apresentados 428 nomes, 95% dos quais não são deputados cessantes e metade dos quais nunca exerceu um mandato político.

Até à próxima quarta-feira, o movimento vai revelar os restantes 148 candidatos às legislativas.

A primeira volta das eleições legislativas vai realizar-se a 11 de junho e a segunda volta a 18 de junho.

Lusa

  • Quem deve ser o próximo treinador do FC Porto?

    Desporto

    Nuno Espírito Santo já não é treinador do FC Porto. O técnico e o clube chegaram a acordo mútuo para a rescisão do contrato, que o ligava por mais uma temporada aos dragões. Nuno Pinto da Costa tem agora que encontrar um novo treinador para orientar dos "dragões". Os nomes em cima da mesa são vários. Diga-nos quem deve ser o novo treinador do FC Porto.

  • Os treinadores do FC Porto desde o último título 

    Desporto

    Nunca o FC Porto esteve quatro anos consecutivos sem ganhar um título durante a presidência de Nuno Pinto da Costa. A ausência de vitórias teve início na época de 2013/14, quando começou uma autêntica dança de treinadores.

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.

  • Leão-marinho arrasta criança de doca em Vancouver
    0:51

    Mundo

    O momento em que um leão-marinho arrasta uma menina para a água foi gravado e publicado na internet. Sem nada que fizesse prever, o animal puxou a criança que estava sentada numa doca em Vancouver, no Canadá. A criança foi resgatada de imediato por um familiar e apesar do susto não sofreu ferimentos. O momento de aflição foi testemunhado por vários turistas.