sicnot

Perfil

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volskwagen

Escândalo Volkswagen

Coreia do Sul vai fazer novos testes de emissões aos automóveis da Volkswagen

A Coreia do Sul vai submeter os automóveis da Volkswagen a novos testes de emissões de poluentes depois de o fabricante admitir ter falseado os resultados em 400.000 carros nos EUA, revelaram fontes do Ministério do Meio Ambiente.

Reuters

Os testes devem acontecer em meados de outubro e estender-se também "aos veículos que anteriormente passaram com êxito nos testes", segundo indicaram fontes à agência Yonhap.

O Ministério do Meio Ambiente vai submeter a testes os modelos Golf e Jetta, da marca alemã, e os A3 e A7 da Audi, que também pertence à Volkswagen, segundo os funcionários.

A Volkswagen e a Audi são as duas marcas estrangeiras mais populares no mercado sul-coreano, com quotas de 15,61% e de 12,56% do total de automóveis importados, respetivamente.

A Agência de Proteção do Meio Ambiente dos Estados Unidos acusou na sexta-feira a empresa de falsear o desempenho dos motores em termos de emissões de gases poluentes através de um 'software' incorporado no veículo, enfrentando uma multa que pode ir até aos 18 mil milhões de dólares (cerca de 15,9 mil milhões de euros ao câmbio de hoje).

Na terça-feira, a Volkswagen anunciou que mais de 11 milhões de carros a gasóleo em todo o mundo foram equipados com o tipo de motor que poderia distorcer os dados de emissões.

  • A easyJet não está a oferecer bilhetes no Facebook. Cuidado, é uma burla

    País

    Se esteve no Facebook nos últimos dias, provavelmente reparou na oferta de dois bilhetes para uma viagem da easyJet, a propósito do 22.º aniversário da companhia aérea britânica. Uma viagem para dois tinha tudo para correr bem, não fosse um esquema de burla, criado para obter os dados pessoais dos utilizadores que partilham a publicação na rede social.

  • Big Ben em silêncio durante quatro anos
    2:15

    Mundo

    Esta segunda-feira ficou marcada pelas últimas badaladas dos famosos sinos do Big Ben, em Londres, no Reino Unido. A torre, na qual está instalada o relógio mais famoso do mundo, vai entrar em obras e os sinos só vão voltar a tocar em 2021.

  • Garrafa lançada ao mar em Rhodes recebe resposta de Gaza
    1:43

    Mundo

    A história parece de filme, mas aconteceu numa praia de Gaza. Um casal britânico lançou uma garrafa com uma mensagem ao mar, em julho, na ilha grega de Rhodes. A garrafa foi encontrada por um pescador numa praia de Gaza, que aproveitou para enviar a resposta, na qual falou sobre as restrições impostas por Israel.