sicnot

Perfil

Euro 2016

Euro 2016

Euro 2016

Sexagenário morre de ataque cardíaco no Ucrânia-Irlanda do Norte

Um homem de 64 anos morreu nas bancadas, em Lyon, enquanto assistia ao desafio entre a Ucrânia ea Irlanda do Norte, do Euro2016 de futebol que decorre em França.

© Reuters Staff / Reuters

O sexagenário, cuja nacionalidade não foi ainda revelada, era um apoiante da Irlanda do Norte, precisam as autoridades francesas.

A vítima sofreu o ataque cardíaco pouco depois de iniciado o desafio, que a Irlanda do Norte venceu por 2-0, e, apesar da intervenção das unidades de emergência médica no recinto, não foi possível a sua reanimação.

Lusa

  • Irlanda do Norte vence Ucrânia por 2-0

    Euro 2016

    A Irlanda do Norte venceu a Ucrânia por 2-0, em jogo da segunda jornada do grupo C do Euro2016 de futebol, disputado em Lyon, igualando provisoriamente Polónia e Alemanha com três pontos. Um golo de Gareth McAuley, aos 49 minutos, permitiu aos norte-irlandeses adiantar-se no marcador, tendo Niall McGinn, aos 90+6, confirmado o triunfo da sua equipa, num jogo que chegou a estar interrompido cerca de dois minutos, aos 57, devido às más condições do tempo, com chuva e granizo intensos.Com esta vitória, a Irlanda do Norte, que se estreia em europeus de futebol, igualou a Polónia e a Alemanha na frente do grupo C, todos com três pontos, mas germânicos e polacos defrontam-se ainda hoje, enquanto a Ucrânia é última sem qualquer ponto.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.