sicnot

Perfil

Euro 2016

Euro 2016

Euro 2016

Seis hooligans russos detidos na Alemanha por agressões

euro2016.sic.pt

Seis adeptos de futebol russos foram detidos em Colónia por agressões a três espanhóis. Entre a documentação encontravam-se bilhetes para os jogos do Euro 2016 da Rússia com a Inglaterra do passado sábado e da Rússia contra a Eslováquia. As autoridades investigam agora se estiveram envolvidos nos confrontos em Marselha.

Adepto russo detido por violência em Lille, França, a 15 de junho.

Adepto russo detido por violência em Lille, França, a 15 de junho.

© Wolfgang Rattay / Reuters

Pela documentação na posse dos detidos, a polícia alemã concluiu que os seis russos, com idades entre os 26 e os 30 anos, tinham apanhado um avião de Moscovo para Marselha, para assistir ao jogo entre a Rússia e a Inglaterra, e que na quinta-feira chegaram a Colónia de comboio, provenientes de Marselha.

Bilhetes para os jogos da Rússia com a Inglaterra e Eslováquia, assim como objetos característicos de adeptos radicais (hooligans), como protetores de dentes e lenços para cobrir o rosto, contavam-se entre os pertences dos detidos.

A polícia alemã vai agora entrar em contacto com a homóloga francesa para determinar se os seis russos detidos estiveram envolvidos nos desacatos violentos verificados nos últimos dias em Marselha.

De acordo com um comunicado da policia alemã, os detidos agrediram de "forma brutal' e assaltaram dois turistas espanhóis e um acompanhante que se encontravam nas imediações da catedral de Colónia.

A Polícia referiu inicialmente ter detido cinco russos, alcoolizados, mas o sexto elemento acabaria também por ser detido já no aeroporto de Colónia, quando pretendia embarcar num voo para Ibiza.

Quinta-feira, na cidade francesa de Marselha, três adeptos russos foram condenados a penas de prisão de um a dois anos por atos de violência, que provocaram já uma morte e 35 feridos na sua grande maioria entre os fãs britânicos.

  • Adeptos russos expulsos, cenas de violência em Marselha e Lille
    2:09

    Euro 2016

    França acaba de anunciar a expulsão de duas dezenas de adeptos russos. É a condenação das autoridades francesas pelos atos de violência cometidos em Marselha no sábado. A seleção russa mantém-se na competição, mas um incidente no estádio no jogo de ontem pode precipitar a saída mais cedo. E em Lille, foram captadas imagens de adeptos ingleses a atirar moedas ao chão, num gozo com crianças imigrantes que lutam para as alcançar.

  • França expulsa líder de extrema-direita e das claques russas

    Euro 2016

    O líder de extrema-direita e da associação de adeptos da Rússia vai ser expulso de França, no seguimento da violência que se registou por ocasião no Inglaterra-Rússia, em Marselha. Alexander Shprygin integra um grupo de 20 adeptos da seleção russa que estão a ser expulsos de França na sequência dos desacatos deste sábado.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.