sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Aeroporto de Zaventem vai continuar fechado amanhã

O aeroporto internacional de Bruxelas-Zaventem, hoje palco de um atentado terrorista, vai continuar fechado na quarta-feira, anunciou o presidente da sociedade gestora Brussels Airport, Arnaud Feist.

"O aeroporto vai continuar fechado até quarta-feira inclusive", de acordo com a conta da Brussels Airport na rede social Twitter, citando Feist.

"Estamos a estudar a reabertura do aeroporto na quinta-feira", acrescentou Feist na mensagem.

Mais de 500 voos foram hoje cancelados em Zaventem e pelo menos 32 foram desviados para aeroportos regionais belgas (Liège, Ostende, Charleroi e Antuérpia) e internacionais próximos, como Lille (França) e Beek (Holanda), de acordo com a Belgocontrol, organismo que regula a navegação aérea civil na Bélgica e no Luxemburgo.

Pelo menos 14 pessoas morreram e 35 ficaram feridas quando duas bombas explodiram esta manhã na zona de 'check-in' do aeroporto de Zaventem.

De acordo com o procurador federal belga, Frédéric De Leeuw, pelo menos uma das explosões foi desencadeada por um terrorista suicida.

Bruxelas foi hoje alvo de dois atentados, um no aeroporto e outro numa estação de metro do centro da cidade.

Segundo o mais recente balanço provisório das autoridades, 34 pessoas morreram e perto de 200 ficaram feridas nos dois ataques.

O nível de alerta terrorista na Bélgica foi elevado para quatro, o máximo da escala.

Lusa

  • Presidente visita zonas afetadas pelos fogos
    2:00

    País

    Numa visita inesperada, o Presidente da República esteve esta manhã em Vouzela, um dos concelhos mais atingidos pelos incêndios. Marcelo Rebelo de Sousa vai estar nos próximos dias no distrito de Viseu.

  • "Viverei com o peso na consciência até ao último dia"
    3:00
  • A fotografia que está a correr (e a impressionar) o Mundo

    Mundo

    A fotografia de uma cadela a carregar, na boca, o cadáver calcinado da cria está a comover o mundo. Entre as muitas fotografias que mostram o cenário causado pelos incêndios que devastaram a Galiza nos últimos dias, esta está a causar especial impacto. O registo é do fotógrafo Salvador Sas, da agência EFE. A imagem pode impressionar os mais sensíveis.