sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas

Atentados em Bruxelas

Atentados em Bruxelas

Cancelados todos os voos Lisboa-Bruxelas e Bruxelas-Lisboa

Todos os voos Lisboa-Bruxelas e Bruxelas-Lisboa foram hoje cancelados na sequência das explosões registadas no aeroporto e no metro da capital belga, que causaram vários mortos e feridos, adiantou à Lusa uma fonte da ANA.

© Francois Lenoir / Reuters

"Temos seis voos cancelados de Lisboa para Bruxelas e cinco de Bruxelas para Lisboa, uma vez que o voo da TAP que fazia Bruxelas-Lisboa tinha partido antes das explosões e chegou bem à Portela", disse à agência Lusa o porta-voz da ANA- Aeroportos de Portugal.

Entretanto, o porta-voz da transportadora aérea portuguesa adiantou à Lusa que arrancou às 09:45 um voo de Lisboa com destino ao Luxemburgo, sendo os passageiros depois transportados via terrestre, por autorcarro, para a capital belga.

Este voo da TAP deveria ter arrancado do aeroporto da Portela, em Lisboa, para Bruxelas às 07:00 de hoje.

António Monteiro disse ainda à Lusa que os passageiros da TAP podem optar por seguir para outros países, para depois chegar a Bruxelas, ou então adiar o voo para outro dia.

O responsável adiantou ainda à Lusa que os trabalhadores da TAP no aeroporto de Bruxelas encontram-se bem.

Também uma fonte da secretaria de Estado das Comunidades Portuguesas disse hoje à Lusa ter a indicação, através a embaixada portuguesa em Bruxelas, de que um trabalhador da TAP que estava ao balcão da transportadora no aeroporto belga na altura das explosões se encontra bem.

A secretaria de Estado das Comunidades já acionou meios junto da embaixada portuguesa em Bruxelas para acompanhar a situação no aeroporto da capital belga, onde ocorreram duas explosões que causaram um morto e vários feridos.

A mesma fonte disse à Lusa que a embaixada está em contacto com as autoridades belgas para acompanhar a situação e apurar, quando for possível, se existem portugueses entre as vítimas.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47