sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Federação de Futebol decreta minuto de silêncio nos jogos da seleção

Os jogos de Portugal com a Bulgária e com a Bélgica vão ser antecedidos de um minuto de silêncio, em memória das vítimas dos atentados de Bruxelas, disse hoje fonte oficial da Federação Portuguesa de Futebol.

Treino da seleção portuguesa em março de 2015

Treino da seleção portuguesa em março de 2015

arquivo reuters

Este gesto abrange os jogos de todas as seleções portuguesas e de todas as competições organizadas pela FPF entre 24 e 30 de março. No caso das provas nacionais, a homenagem estende-se ao ex-árbitro internacional Joaquim Campos, que morreu na semana passada.

Entre todos, destaca-se o jogo particular entre Portugal e Bélgica, de preparação para o Euro2016, que, face aos ataques, foi transferido do Estádio Rei Balduíno, em Bruxelas, para o Estádio Municipal de Leiria, no dia 29 de março.

A seleção portuguesa, que recebe a Bulgária na sexta-feira, também em Leiria, deveria viajar posteriormente para Bruxelas, onde os atentados de terça-feira, no aeroporto de Zaventem e na estação de metropolitano de Maelbeek, provocaram pelo menos 31 mortos e 270 feridos.

No Campeonato Europeu, que vai decorrer de 10 de junho a 10 de julho, em França, Portugal vai disputar o Grupo F com a Áustria, Islândia e Hungria.

Lusa

  • 81 deslocados em Mação devido ao fogo
    2:46
  • Alcongosta ficou sem água, luz e telecomunicações
    2:28

    País

    O incêndio na Serra da Gardunha está dominado, mas as aldeias que estiveram rodeadas pelo fogo ainda não regressaram à normalidade. Falta água, luz e telecomunicações no sopé de uma mancha enorme de terra queimada. O fogo destruiu ainda uma floresta na Serra da Gardunha e um antigo colégio.

  • Detida no Brasil portuguesa acusada de várias burlas nos últimos 20 anos
    3:04
  • GNR resgata 45 sírios no mar Egeu
    2:28

    Crise Migratória na Europa

    A Guarda Nacional Republicana já resgatou quase 300 migrantes no mar Egeu, ao largo da Grécia, desde o início de maio. Esta quarta-feira de madrugada, os militares salvaram 45 sírios que tentavam chegar à Grécia numa embarcação de borracha.