sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas

Atentados em Bruxelas

Atentados em Bruxelas

Autoridades belgas identificam terceiro suspeito dos atentados no aeroporto de Bruxelas

O suspeito da qual a identidade estava até agora icógnita será Façal Cheffou. Trata-se do suspeito que terá deixado no local um saco cheio de explosivos. Usava um casaco branco e um chapéu no dia dos atentados.

BELGIAN FEDERAL POLICE / HANDOUT

O Ministério Público belga anunciou hoje ter identificado Fayçal Cheffou, detido na sexta-feira, como o terceiro homem implicado nos atentados terroristas no aeroporto de Bruxelas e acusou-o de liderar atividades terroristas.

O detido seria "o homem do chapéu" visto em imagens do circuito interno do aeroporto de Zaventem com os dois bombistas suicidas.

Três explosões foram registadas na terça-feira em Bruxelas: duas no aeroporto internacional de Zaventem e uma na estação de metro de Maelbeek, junto às instituições europeias, no centro da capital belga. Pelo menos 31 pessoas morreram e outras 300 ficaram feridas nos ataques na capital belga, reivindicados pelo Daesh.

Última atualização às 12:46

Com Lusa

  • Reclusos que fugiram de Caxias tiveram cúmplices
    1:59

    País

    Uma falha de Portugal poderá explicar a libertação de um dos dois chilenos que fugiram de Caxias e foram apanhados em Espanha. As autoridades portuguesas atrasaram-se a enviar o mandado de detenção e a polícia espanhola libertou o fugitivo. Na investigação da fuga, acredita-se que os 3 reclusos tiveram cúmplices e a namorada de um deles já foi interrogada.

  • Jovem indiano acorda a caminho do próprio funeral

    Mundo

    Um jovem indiano chocou os seus parente e amigos, depois de acordar no caminho para o seu próprio funeral. No mês antes, Kumar Marewad foi levado para o hospital após ser mordido por um cão de rua, ficando em estado grave.

  • Bilhete de desculpas valeu uma bolsa de estudo

    Mundo

    Um jovem chinês ganhou uma bolsa de estudos no valor de 10 mil yuan (cerca de 1.380 euros), depois de danificar acidentalmente um carro de luxo. Isto, porque após os estragos, o jovem deixou um bilhete de desculpas ao dono, assim como todo o dinheiro que tinha com ele, como compensação.