sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Advogados de Blatter dizem que Comité de Ética não respeitou regulamentos

Os advogados de Joseph Blatter consideraram hoje que o Comité de Ética da FIFA "não respeitou" os seus próprios regulamentos ao suspender o suíço por 90 dias sem antes o ouvir.

Christophe Ena

Segundo um comunicado do suíço Lorenz Erni e do norte-americano Richard Cullen, "o presidente Blatter lamenta que a Comissão de Ética não tenha cumprido o código de ética e disciplinar", por ter abdicado de ouvir o presidente demissionário do organismo.

Os dois advogados entendem que o mesmo comité "baseou a sua decisão numa interpretação errada das medidas tomadas pela procuradoria-geral da Suíça", que instaurou um processo criminal a Blatter por suspeita de gestão danosa, apropriação indevida de fundos e abuso de confiança.

"O Ministério Público será obrigado, por lei, a renunciar ao procedimento criminal caso o inquérito não consiga reunir provas suficientes em duas semanas", refere o mesmo comunicado dos dois advogados.

Blatter e o presidente da UEFA, Michel Platini, foram suspensos provisoriamente por 90 dias pelo Comité de Ética do organismo que rege o futebol mundial em consequência da sua implicação no escândalo de corrupção que atingiu da instituição.

O secretário-geral da FIFA, o francês Jérôme Valcke, também foi suspenso provisoriamente por 90 dias, e o sul-coreano Chung Mong-Joon, que também já assumiu a candidatura à sucessão de Blatter na presidência do organismo, foi suspenso por seis anos.

Lusa

  • Santana Lopes confirma buscas na Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
    1:26

    País

    Pedro Santana Lopes confirmou esta quarta-feira a realização de buscas por parte da polícia judiária à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. O provedor da Santa Casa disse aos jornalistas que o processo está relacionado com suspeitas em compras efetuadas pela Misericórdia, situação que há dois anos já tinha sido objeto de inquérito interno.

  • Oposição aproveita debate quinzenal para questões sobre a CGD
    2:35

    Caso CGD

    A oposição aproveitou o debate quinzenal para questionar o primeiro-ministro sobre a polémica em torno da Caixa Geral de Depósitos. O CDS exigiu provas de António Costa para afirmar que as contas do banco foram maquilhadas e o PSD perguntou ao primeiro-ministro se não estranha a demissão de António Domingues quando este apresentou a declaração de rendimentos.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.