sicnot

Perfil

Queda do BES

Queda do BES

Queda do BES

Presidente da República ouviu lesados do BES em Genebra

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, esteve este domingo cerca de dez minutos à conversa com representantes do Movimento Emigrantes Lesados do Banco Espírito Santo (BES), durante um encontro com a comunidade portuguesa em Genebra.

Esta conversa não contentou Palmira da Silva Duarte, residente em Zurique, que fez de porta-voz do grupo, mas terminou com uma oferta de presentes ao chefe de Estado - uma t-shirt do movimento e um embrulho com chocolates suíços - e um abraço.

Grande parte da troca de palavras não pôde ser registada, porque os jornalistas foram afastados por seguranças suíços, presentes no Centro Desportivo de Vernets, onde decorreu este encontro, mas foi possível ouvir Marcelo Rebelo de Sousa perguntar qual era a situação concreta destes emigrantes.

Foi o próprio Presidente da República quem se dirigiu aos representantes deste movimento, depois de saber que estavam presentes para lhe falar: "Contem-me lá, como é que vai isso, a vossa luta?".

"Os nossos casos já estão todos em tribunal. Qual é o apoio que nos dá o Presidente da República, de que tanto necessitamos?", perguntou Palmira da Silva Duarte.

Marcelo Rebelo de Sousa salientou que "tem havido negociações que permitiram fechar acordos" e pediu-lhes documentação sobre os seus casos.

No final da conversa, Palmira da Silva Duarte relatou o que o Presidente da República lhe disse: "Que estava atento, como diz sempre, que apoiava a nossa luta".

"Mas não diz nunca nada de concreto", lamentou.

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.