sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Nicolas Sarkozy afirma que Tsipras não está à altura da situação na Grécia

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, não está à altura da situação na Grécia, afirmou hoje em Berlim, Alemanha, o antigo chefe de Estado francês Nicolas Sarkozy, que pediu também apoio para o país.

Thibault Camus

"Houve eleições, o povo grego tem sofrido muito e no seu sofrimento escolheu um primeiro-ministro que não está à altura da situação", disse Nicolas Sarkozy, durante um encontro com empresários alemães.

Prestando homenagem ao ex-primeiro-ministro grego, o conservador Antonis Samaras, que "restaurou o crescimento na Grécia e iniciou reformas", Nicolas Sarkozy sublinhou que se está de volta à "estaca zero".

"Mas continuo convencido de que não podemos desistir" da Grécia, disse.

Há mais de quatro meses, que Atenas negoceia com a União Europeia e o Fundo Monetário Internacional reformas para ser libertada uma ajuda de 7,2 mil milhões de euros.

Sem aquele dinheiro, persiste a dúvida sobre a capacidade do país para pagar, até 30 de junho, 1,6 mil milhões de euros do empréstimo ao FMI.

Lusa