sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Bancos gregos permanecem encerrados até quarta-feira

Os bancos gregos vão permanecer encerrados até quarta-feira, mantendo-se o limite de levantamento diário de 60 euros por indivíduo, refere a agência de notícias grega, citando fonte oficial. 

Os bancos gregos estão fechados desde 29 de junho.

Os bancos gregos estão fechados desde 29 de junho.

© Christian Hartmann / Reuters

De acordo com a France Presse, que cita a agência grega, novos desenvolvimentos nesta matéria deverão depender das decisões do Banco Central Europeu (BCE), que tem agendada para esta tarde uma teleconferência dos governadores da instituição para discutir a linha de liquidez à banca grega para as 16:00 GMT (17:00 em Lisboa).

De acordo com um decreto sobre o controlo de capitais publicado há uma semana, em Atenas, os bancos da Grécia iriam permanecer encerrados até 06 de julho, no dia seguinte ao referendo, estando o levantamento de dinheiro limitado a 60 euros diários.

O documento, assinado há uma semana pelo Presidente grego, Prokopis Pavlopoulos, e pelo primeiro-ministro, Alexis Tsipras, refere "a extremamente urgente necessidade de proteger o sistema financeiro e a economia grega devido à falta de liquidez provocada pela decisão tomada pelo Eurogrupo".

As medidas radicais foram impostas para proteger o sistema bancário da ameaça de um pânico generalizado face à perspetiva de incumprimento pela Grécia e ao impacto do anúncio do referendo sobre as negociações com os credores. 

Os gregos rejeitaram no domingo, em referendo, por ampla maioria (61,34%) as propostas dos credores internacionais, (instituições europeias e Fundo Monetário Internacional), agravando o clima de incerteza na zona euro.

Hoje, o ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis, decidiu demitir-se, a pedido do primeiro-ministro grego e para o final do dia está agendado um encontro entre o chefe de Estado francês e a chanceler alemã, Angela Merkel, para discutir a crise atual.

Na sequência dos resultados do referendo, está também agendada para terça-feira uma cimeira extraordinária da zona euro, antecedida de uma reunião do Eurogrupo.

Lusa

  • Maria Cavaco Silva "muito espantada" com caso Raríssimas
    0:56

    País

    Maria Cavaco Silva disse hoje que ficou surpreendida e preocupada com as suspeitas de irregularidades na associação Raríssimas. A ex-primeira dama garante que desconhecia a situação e afirma que Portugal não é "abonado" ao ponto de poder desperdiçar o trabalho feito, lembrando que os utentes não podem sofrer com a polémica.

  • Lince ibérico esteve à venda no OLX

    País

    Um anúncio de venda de um lince ibérico, por 1.500 euros, foi publicado esta semana no site de classificados OLX, com uma morada de Alcoutim, no Algarve. A autenticidade da publicação não foi confirmada, mas em setembro foi encontrada a coleira de um lince ibérico precisamente em Alcoutim. As autoridades estão a investigar.

    SIC

  • "O futuro da Autoeuropa não está em causa"
    0:43

    Economia

    O secretário de Estado do Trabalho apelou a que os partidos não se intrometam nas negociações entre os trabalhadores e a administração da Autoeuropa. Em entrevista à Edição da Noite da SIC Notícias, Miguel Cabrita afastou a hipótese de estar em causa o encerramento da fábrica de Palmela. 

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28