sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Governo grego quer concluir acordo com credores até 20 de agosto

O governo grego espera concluir um acordo com os credores sobre um novo empréstimo ao país até 20 de agosto, indicou hoje uma porta-voz governamental, Olga Gerovassili.

© Yiannis Kourtoglou / Reuters

Segundo um comunicado da porta-voz, após a votação no parlamento, prevista para quarta-feira, de um segundo pacote de reformas controversas, o governo vai "retomar de imediato as negociações com as instituições - Comissão Europeia, Banco Central Europeu (BCE) e Fundo Monetário Internacional (FMI) - que devem prolongar-se o mais tardar até 20 de agosto".

Até essa data a Grécia espera finalizar um acordo para um terceiro resgate ao país, como foi acordado na semana passada entre Atenas e a zona euro.

A 20 de agosto, a Grécia tem de fazer um reembolso de 3,188 mil milhões de euros ao BCE, antes de um pagamento de 1,5 mil milhões de euros ao FMI em setembro.

Na segunda-feira, graças a um financiamento intercalar de 7,16 mil milhões de euros que recebeu do Mecanismo Europeu de Estabilização Financeira, a Grécia liquidou um pagamento em atraso de cerca de 2 mil milhões de euros ao FMI e reembolsou o BCE em 4,2 mil milhões de euros.

A porta-voz explicou que o pacote de medidas que será votado no parlamento na quarta-feira não inclui a supressão gradual das reformas antecipadas dado que o governo acordou com as instituições remeter essa medida para "mais tarde".

Depois de alguma especulação sobre a realização de eleições legislativas antecipadas devido às divergências internas sobre as duras medidas que o governo liderado pelo Syriza teve de aceitar para chegar a um acordo de princípio com os credores, Olga Gerovassili afastou na segunda-feira essa possibilidade, considerando que "não seria útil neste momento", quando o governo tem de se concentrar na finalização de um acordo com os credores.

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.