sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Governo grego quer concluir acordo com credores até 20 de agosto

O governo grego espera concluir um acordo com os credores sobre um novo empréstimo ao país até 20 de agosto, indicou hoje uma porta-voz governamental, Olga Gerovassili.

© Yiannis Kourtoglou / Reuters

Segundo um comunicado da porta-voz, após a votação no parlamento, prevista para quarta-feira, de um segundo pacote de reformas controversas, o governo vai "retomar de imediato as negociações com as instituições - Comissão Europeia, Banco Central Europeu (BCE) e Fundo Monetário Internacional (FMI) - que devem prolongar-se o mais tardar até 20 de agosto".

Até essa data a Grécia espera finalizar um acordo para um terceiro resgate ao país, como foi acordado na semana passada entre Atenas e a zona euro.

A 20 de agosto, a Grécia tem de fazer um reembolso de 3,188 mil milhões de euros ao BCE, antes de um pagamento de 1,5 mil milhões de euros ao FMI em setembro.

Na segunda-feira, graças a um financiamento intercalar de 7,16 mil milhões de euros que recebeu do Mecanismo Europeu de Estabilização Financeira, a Grécia liquidou um pagamento em atraso de cerca de 2 mil milhões de euros ao FMI e reembolsou o BCE em 4,2 mil milhões de euros.

A porta-voz explicou que o pacote de medidas que será votado no parlamento na quarta-feira não inclui a supressão gradual das reformas antecipadas dado que o governo acordou com as instituições remeter essa medida para "mais tarde".

Depois de alguma especulação sobre a realização de eleições legislativas antecipadas devido às divergências internas sobre as duras medidas que o governo liderado pelo Syriza teve de aceitar para chegar a um acordo de princípio com os credores, Olga Gerovassili afastou na segunda-feira essa possibilidade, considerando que "não seria útil neste momento", quando o governo tem de se concentrar na finalização de um acordo com os credores.

Lusa

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • "O ministro não escondeu nem tapou"
    1:20

    Economia

    Pedro Santana Lopes falou pela primeira vez sobre a auditoria feita à Santa Casa no período em que foi provedor. Esta terça-feira, na SIC Notícias, Santana Lopes desvalorizou as irregularidades e defendeu o ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, Vieira da Silva.

    Pedro Santana Lopes

  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Governo promete melhorar condições de 26 mil famílias
    1:23

    País

    O ministro do Ambiente explicou esta terça-feira, no Parlamento, as novas medidas para a habitação: reduzir os impostos para arrendamentos longos, melhorar as condições de 26 mil famílias e introduzir o arrendamento vitalício para maiores de 65 anos. Este é um investimento que vai chegar aos 1700 milhões de euros.

  • Pato em excesso de velocidade faz disparar radar numa estrada suíça
    1:31
  • Peixe-galo e batatas rosti, qual o cardápio do encontro entre os líderes das Coreias?

    Mundo

    O menu do encontro entre o líder norte-coreano, Kim Jong-un, e o Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, já foi dado a conhecer esta terça-feira. Através do site oficial do Governo, Seul anunciou um cardápio com vários pratos típicos da Península da Coreia, como dumplings ao vapor, arroz cultivado na Coreia, carne grelhada, salada fria com polvo, peixe-galo, batatas rosti e sopa fria.

    SIC

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17