sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

BCE aumenta linha de emergência à banca grega com mais 900 milhões

O Banco Central Europeu (BCE) aumentou hoje em 900 milhões de euros o limite máximo da linha de liquidez de emergência utilizada pelos bancos gregos, noticiou a agência Bloomberg citado fontes próximas do processo.

A estrutura de 14 metros, azul e amarela, está a ser limpa e vão ser colocados novos painéis e luzes.

A estrutura de 14 metros, azul e amarela, está a ser limpa e vão ser colocados novos painéis e luzes.

© Ralph Orlowski / Reuters

O conselho de governadores do BCE decidiu, numa conferência por telefone, aprovar o aumento, numa altura em que a Grécia se prepara para votar hoje à noite um segundo pacote com medidas de austeridade exigidas pelos credores.

Segundo a Bloomberg, o teto desta linha de emergência estava em 89,5 mil milhões de euros antes deste aumento, o segundo desde finais de junho. O presidente do BCE, Mario Draghi, anunciou na semana passada um primeiro acréscimo de 900 milhões de euros na linha de emergência, antes da reabertura na segunda-feira dos bancos gregos, encerrados desde 29 de junho, mas o controlo de capitais mantém-se.

Os bancos gregos dependem deste mecanismo para ter liquidez dado que não podem financiar-se através de operações normais de refinanciamento do BCE, desde que em fevereiro a instituição liderada por Mario Draghi deixou de aceitar dívida grega como garantia.

Com Lusa

  • A casa dos horrores
    7:57
  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45

    País

    Durante a abertura do ano judicial, a Procuradora-Geral da República e o presidente do Supremo Tribunal aproveitaram para deixar um recado à ministra da Justiça: é urgente aprovar o novo estatuto de juízes e magistrados. O presidente do Supremo diz que é injusta a má imagem da Justiça e pediu contenção aos magistrados.

  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38