sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Representantes dos credores chegam a Atenas nos próximos dias

Representantes dos credores da Grécia são esperados em Atenas "nos próximos dias", anunciou hoje a Comissão Europeia, depois de ter sido indicado que a visita começaria hoje.

© Christian Hartmann / Reuters

"As instituições são esperadas nos próximos dias", afirmou uma porta-voz da comissão, sem precisar o calendário da missão.

Na quinta-feira, fonte ministerial grega tinha indicado que a chegada dos credores estava prevista para hoje, mas nem a Comissão Europeia nem o Fundo Monetário Internacional (que integram a 'troika' de credores juntamente com o Banco Central Europeu) confirmaram essa informação.

"A missão está em preparação", indicou fonte próxima das negociações citada pela AFP. "Está a ser discutido o local, dado que é preciso um lugar acessível, perto dos ministérios", disse a fonte.

Uma outra fonte apontou "problemas logísticos" e fonte ministerial grega disse que "estes serão resolvidos rapidamente" sem precisar a sua natureza exata.

O objetivo deste novo ciclo de reuniões é finalizar um acordo, o mais tardar até 20 de agosto, para um terceiro programa de assistência financeira à Grécia, depois de um entendimento nesse sentido a 13 de julho numa cimeira da zona euro.

A Grécia, que enfrenta problemas de liquidez, tem de pagar a 20 de agosto mais de 3 mil milhões de euros ao BCE e 1,5 mil milhões de euros ao FMI em setembro.

Hoje, o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, e o presidente francês, François Hollande, falaram da implementação do que foi acordado a 13 de julho e "os dois reafirmaram a importância de serem respeitados os compromissos que estão no texto", indicou o governo grego.

No imediato, Atenas vai enviar um pedido oficial ao FMI tendo em vista a participação da instituição de Washington no novo resgate, indicou fonte governamental grega.

Lusa

  • "Hoje vi chover lume"
    3:57
  • A Minha Outra Pátria
    29:53
  • Milhares de clientes da CGD vão pagar quase 5€/ mês por comissões de conta
    1:24

    Economia

    Milhares de clientes da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que até aqui estavam isentos de qualquer pagamento, vão começar a pagar quase 5 euros por mês por comissões de conta. A medida abrange também reformados e pensionistas e entra em vigor já em setembro. Ainda assim, os clientes com mais de 65 anos e uma pensão inferior a 835 euros por mês continuam isentos.

  • O apelo da adolescente arrependida de ir lutar pelo Daesh

    Daesh

    Uma adolescente alemã que desapareceu da casa dos pais, no estado da Saxónia, esteve entre os vários militantes do Daesh detidos este fim de semana na cidade iraquiana de Mossul. Arrependida do rumo que deu à sua vida, deixou um apelo emocionado em que expressa, repetidamente, a vontade de "fugir" e voltar para casa.

    SIC