sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Tsipras diz que não teve oportunidade de governar devido às duras negociações com a troika

Alexis Tsipras diz que não teve oportunidade de governar por causa das duras negociações com a troika. Na primeira entrevista desde que pediu a demissão do seu Governo, Tsipras fala numa asfixia económica da Grécia e sublinha que, num cenário desses, é impossível governar.

Petros Giannakouris

O ainda secretário-geral do Syriza criticou também o antigo ministro das Finanças. Tsipras diz que Varoufakis perdeu credibilidade junto dos parceiros europeus que já não o ouviam e que isso o empurrou para a demissão.

Já sobre o atual ministro das finanças, Alexis Tsipras diz que sem Euclid Tsakalotos não teria sido possível um acordo com os credores. Recorde-se que a data para as eleições antecipadas na Grécia deve ser anunciada amanhã pelo Presidente grego.

Entretanto, já foi anunciado o nome da nova primeira-ministra interina. Chama-se Vassiliki Thanou e é a presidente do Supremo Tribunal grego há cerca de dois meses.

  • A derrota que envergonhou a Argentina e apurou a Croácia

    Mundial 2018 / Argentina

    A Croácia garantiu esta quinta-feira a passagem aos oitavos de final do Mundial 2018. A seleção croata bateu a Argentina por 3-0 e deixou os sul-americanos com as contas do apuramento muito complicadas. Veja aqui os golos e os principais lances do encontro.

  • A "saída limpa" da Grécia ao fim de oito anos de resgates
    0:54
  • Lisboa vence prémio Capital Europeia Verde de 2020

    País

    A cidade de Lisboa venceu o prémio de Capital Europeia Verde de 2020, anunciou o comissário da União Europeia para o Ambiente, Assuntos Marítimos e Pescas, Karmenu Vella, numa cerimónia que decorreu em Nijmegen, na Holanda.

  • Trump culpa democratas pela separação de pais e filhos
    0:22
  • Melania quer famílias reunidas "o mais rápido possível"
    0:35

    Mundo

    A primeira dama dos Estados Unidos fez uma visita surpresa a um centro de detenção de crianças, na fronteira com o México. As imagens mostram a mulher de Donald Trump reunida com responsáveis, não se sabendo para já se Melania teve ou não contacto direto com algumas das crianças detidas.