sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Os dois anos da Operação Lava Jato

A crise política no Brasil tem vindo a agravar-se nos últimos meses e a nomeação hoje de Lula da Silva para ministro da Casa Civil do Governo de Dilma Rousseff gerou mais manifestações nas ruas. A entrada de Lula da Silva no Governo é encarada como uma tentativa de o ex-Presidente escapar à justiça, dado que está a ser investigado na Operação Lava Jato, sobre um esquema de corrupção em várias empresas, incluindo a petrolífera estatal Petrobras. A Operação Lava Jato começou há exatamente dois anos.

© Ueslei Marcelino / Reuters

Crise política brasileira

01/01/2015

A Presidente toma posse e reafirma que combaterá a corrupção no seu segundo mandato.

04/02/2015

A presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, e outros cinco diretores renunciam ao cargo. A empresa é alvo da maior operação contra s corrupção da história do país, a Operação Lava Jato.

26/02/2015

A Câmara instala uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar os desvios na Petrobras.

03/03/2015

O Procurador-geral da República, Rodrigo Janot, protocola no Supremo Tribunal Federal pedidos de abertura de inquérito para investigar políticos suspeitos de envolvimento no esquema de corrupção na Petrobras.

08/03/2015

Dilma Rousseff faz um discurso à nação no Dia da Mulher, atribuindo à crise mundial as dificuldades económicas e pedindo 'paciência'. Pessoas em várias partes do país fazem 'panelaço' (bater em panelas) durante a transmissão.

15/03/2015

Mais de dois milhões de pessoas participam em manifestações em pelo menos 160 cidades do país para protestar contra a corrupção e o Governo da Presidente Dilma Rousseff.

07/04/2015

A Presidente coloca o vice-Presidente Michel Temer (Partido do Movimento Democrático Brasileiro/PMDB) na articulação política com o Congresso Nacional.

12/04/2015

Novas manifestações contra o Governo reúnem mais de 700 mil pessoas em pelo menos 224 cidades do país.

27/05/2015

Integrantes do Movimento Brasil Livre protocolam um pedido de destituição da Presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados.

17/06/2015

O Tribunal de Contas da União decide adiar a análise de contas do Governo devido a irregularidades encontradas e dá um prazo para Dilma Rousseff explicar 'pedaladas fiscais'.

03/08/2015

O ex-ministro José Dirceu é detido na Operação Lava Jato sob a suspeita de praticar crimes de corrupção, branqueamento de capitais e associação criminosa.

16/08/2015

Em todos os estados e no DF realizam-se protestos contra o Governo. Manifestantes pedem renúncia ou destituição de Dilma Rousseff e o fim da corrupção.

28/08/2015

Com a queda do Produto Interno Bruto (PIB), o Brasil entra em recessão técnica.

21/10/2015

Parlamentares da oposição entregam a Eduardo Cunha (PMDB) um pedido de destituição elaborado pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior.

03/11/2015

O Conselho de Ética da Câmara instaura um processo para investigar se Eduardo Cunha (PMDB) cometeu quebra de decoro parlamentar ao dizer que não tinha contas bancárias na Suíça.

25/11/2015

A Polícia Federal detém Delcídio do Amaral (PT), líder do Governo no Senado, por suspeita de obstruir as investigações na Lava Jato.

02/12/2015

A bancada do PT na Câmara decide votar pela continuidade do processo de Eduardo Cunha (PMDB). No mesmo dia, Cunha autoriza a abertura do processo de destituição da Presidente Dilma Rousseff baseado no requerimento feito pelos juristas Hélio Bicudo e Miguel Reale Júnior.

15/12/2015

A Polícia Federal cumpre mandados na casa do presidente da câmara dos deputados, Eduardo Cunha. Também são alvos da operação os senadores Edison Lobão, ex-ministro de Minas e Energia, e Fernando Bezerra Coelho, e outros políticos.

03/03/2016

O senador Delcídio do Amaral (PT-MS) assinou o acordo de 'delação premiada' (depoimento em troca de redução da pena) em que diz que Lula da Silva e Dilma Rousseff agiram para travar a Lava Jato.

04/03/2016

As autoridades investigam a relação do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seus familiares com construtoras envolvidas no esquema de corrupção da Petrobras. Lula da Silva é detido para prestar esclarecimentos (condução coercitiva).

08/03/2016

A Justiça Federal condena o empresário Marcelo Odebrecht por corrupção ativa, branqueamento de capitais e associação criminosa a 19 anos e quatro meses de prisão. Além dele, também são condenados outros executivos e funcionários da Petrobras.

10/03/2016

Promotores do Estado de São Paulo pediram a prisão preventiva do ex-Presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva relacionada com a denúncia que apresentaram sobre crimes cometidos na aquisição de um apartamento tríplex no Guarujá.

13/03/2016

Pelo menos 3,6 milhões de pessoas protestaram nas ruas de todo o Brasil, no domingo, pedindo a saída da Presidente Dilma Rousseff do Governo, segundo dados da polícia militar.

14/03/2016

A Justiça de São Paulo encaminhou a denúncia do Ministério Público do estado contra o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva para a Justiça Federal de Curitiba, mais precisamente para as mãos do juiz Sérgio Moro, da Operação lava Jato.

17/03/2016

Ex-Presidente Lula da Silva tomou posse, em Brasília, como ministro da Casa Civil, entre protestos pró e contra o Governo um pouco por todo o país. Logo a seguir, uma decisão judicial suspende nomeação de Lula da Silva e o Governo anuncia que vai recorrer.

Lusa

  • Autoridades acreditam que Lula só aceitou ser ministro para escapar à prisão
    2:51

    Crise no Brasil

    O juiz responsável pelo processo Lava Jato divulgou ontem várias escutas telefónicas, que incluem uma conversa entre Lula da Silva e Dilma Rousseff. Numa das conversas Dilma informa Lula sobre o envio de termo de posse e para o usar se precisar. Uma conversa que está a ser interpretada como um sinal de que Lula só aceitou o cargo de ministro para escapar à prisão. As autoridades brasileiras acreditam ainda que o antigo presidente teria intenção de atrapalhar a investigação.

  • Discurso de Dilma interrompido com aplausos
    1:23

    Crise no Brasil

    O discurso oficial da Presidente brasileira na tomada de posse de Lula da Silva como ministro foi várias vezes interrompido, com os aplausos da plateia. Dilma Rousseff, antes de um forte aplauso, referiu que as circunstâncias atuais deram a oportunidade de levar para o Governo o "maior líder político do país".

  • Santana Lopes confirma buscas na Santa Casa da Misericórdia de Lisboa
    1:26

    País

    Pedro Santana Lopes confirmou esta quarta-feira a realização de buscas por parte da polícia judiária à Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. O provedor da Santa Casa disse aos jornalistas que o processo está relacionado com suspeitas em compras efetuadas pela Misericórdia, situação que há dois anos já tinha sido objeto de inquérito interno.

  • Oposição aproveita debate quinzenal para questões sobre a CGD
    2:35

    Caso CGD

    A oposição aproveitou o debate quinzenal para questionar o primeiro-ministro sobre a polémica em torno da Caixa Geral de Depósitos. O CDS exigiu provas de António Costa para afirmar que as contas do banco foram maquilhadas e o PSD perguntou ao primeiro-ministro se não estranha a demissão de António Domingues quando este apresentou a declaração de rendimentos.

  • Turismo da Madeira investe mais de 3 milhões de euros no programa de festas
    2:22

    País

    A Madeira já vive a época de Natal. O turismo da região investiu mais de 3 milhões de euros no programa de festas de Natal e Fim de Ano para atrair os turistas. Os residentes e também turistas aproveitam para desfrutar do ambiente mágico proporcionado pelas tradicionais iluminações à mistura com as decorações e gastronomia típicas da quadra.

  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.