sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Partido de Dilma Rousseff recorre à OEA para tentar salvar o seu mandato

O Partido dos Trabalhadores (PT) entregou uma petição na Organização dos Estados Americanos (OEA) contra o processo de destituição da Presidente com mandato suspenso Dilma Rousseff, anunciou hoje fonte partidária.

A iniciativa, anunciada hoje em conferência de imprensa pelo deputado Paulo Pimenta, foi tomada terça-feira, poucas horas antes do Senado (câmara alta parlamentar) aprovar a continuação do processo que pode antecipar o fim do mandato de Dilma Rousseff.

O anúncio aconteceu algumas horas depois da maioria dos senadores decidirem, por 59 votos contra 21, prosseguir o processo de 'impeachment' (destituição) da chefe de Estado, que está afastada do cargo desde o passado dia 12 de maio.

Paulo Pimenta explicou que o documento pede o regresso de Dilma Rousseff à função de Presidente da República, a anulação de todos os atos e a paralisação do processo de 'impeachment' até que sejam analisadas possíveis violações de tratados internacionais que o PT alega terem acontecido.

Outro parlamentar do PT, Wadih Damous, disse que membros do partido entraram com a representação apenas agora, na fase final do processo porque todas as possibilidades de resolver o caso internamente, usando dispositivos legais da justiça do país, se esgotaram.

"Vivendo um golpe de estado com a participação do Parlamento e a omissão do Judiciário", acusou.

Esta é a segunda iniciativa tomada por membros do PT de levar processos que correm no país para apreciação em entidades internacionais.

Antes deste requerimento, o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva já havia recorrido, em julho, junto do Comité de Direitos Humanos da ONU para denunciar medidas supostamente ilegais tomadas pelo juiz federal Sérgio Moro, responsável pelo julgamento dos casos de corrupção na Petrobras em primeira instância.

Lusa

  • Não houve negligência médica no caso do jovem que morreu em São José
    2:33

    País

    Afinal, não houve negligência médica no caso do jovem que morreu há cerca de um ano no Hospital de São José, vítima de um aneurisma. Esta é a conclusão da Ordem dos Médicos e dos peritos do Instituto de Medicina Legal. Segundo o jornal Expresso, todos os relatórios relatórios pedidos pelo Ministério Público e pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central dizem que o corpo clínico do hospital não teve responsabilidades na morte de David Duarte.

  • Jovens estariam de fones e poderão não ter ouvido comboio a aproximar-se
    1:47

    País

    As adolescentes, de 13 e 14 anos, encontradas mortas junto à linha do norte perto de Coimbra podem não ter ouvido a aproximação do comboio, uma vez que estariam de auriculares. Os corpos só foram descobertos 36 horas depois do desaparecimento das jovens, aparentemente vítimas de um descuido fatal.

  • Patti Smith engana-se na música de Bob Dylan durante cerimónia dos Nobel
    1:49

    Mundo

    Os prémios Nobel deste ano já foram entregues. Bob Dylan não compareceu à entrega do galardão da Literatura e fez-se representar pela amiga Patti Smith, que teve um bloqueio enquanto cantava "A Hard Rain's A-Gonna Fall" do músico. O Presidente da Colômbia Juan Manuel dos Santos foi distinguido com o Nobel da paz pelo acordo que alcançou com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia.

  • CIA acredita que Trump foi ajudado por piratas informáticos russos
    1:24

    Eleições EUA 2016

    As eleições nos Estados Unidos da América já terminaram e o Presidente está eleito. Contudo, Barack Obama quer saber se os russos tentaram mesmo influenciar o voto e ao mesmo tempo perceber o que os serviços secretos aprenderam com todas as fugas de informação durante a campanha. Já a CIA diz não ter dúvidas: para os serviços secretos norte-americanos, Donald Trump foi ajudado por piratas informáticos.