sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Ganadeiro amigo de Lula condenado a quase dez anos de prisão

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela operação anti-corrupção Lava Jato, condenou esta quinta-feira o ganadeiro José Carlos Bumlai, amigo do ex-Presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, a nove anos e dez meses de cadeia.

José Carlos Bumlai foi condenado pelos crimes de corrupção e gestão fraudulenta, mas absolvido da acusação de lavagem de dinheiro.

Em causa está um empréstimo de 12 milhões de reais (3,2 milhões de euros) que o ganadeiro contraiu no banco Schahin em 2004, tendo depois passado o dinheiro ao Partido dos Trabalhadores (PT), liderado por Lula da Silva.

O empréstimo nunca foi quitado, sendo que um acordo estabeleceu que a dívida fosse perdoada em troca de um contrato de 1,6 mil milhões de dólares (1,42 mil milhões de euros) com a petrolífera estatal Petrobras, para a operação de um navio-sonda, em 2009.

"Os fatos revelam a utilização indevida da estrutura da empresa estatal para benefício pecuniário de agremiação política, com a atuação consciente de dirigentes da Petrobras", concluiu o magistrado.

Na mesma decisão, o magistrado condenou também o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, o empresário Fernando Falcão Soares, o ex-tesoureiro do Partido dos Trabalhadores (PT) João Vaccari Neto e outros quatro.

O filho do ganadeiro, Maurício Bumlai e o ex-diretor da Área Internacional da Petrobras Jorge Zelada foram absolvidos por falta de provas.

A Operação Lava Jato, que está a desmontar o maior esquema de corrupção da história do Brasil, tem investigado várias empresas, com destaque para a Petrobras, executivos e políticos, entre eles o ex-Presidente Lula da Silva.

Lusa

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.