sicnot

Perfil

Novo Governo

Costa criticou Seguro depois de vantagem escassa nas eleições de 2014

Costa criticou Seguro depois de vantagem escassa nas eleições de 2014

Há ano e meio, depois das Europeias, e ainda com seguro à frente do PS, António Costa foi bastante duro com os resultados conseguidos. Os socialistas ganharam, mas com uma pequena margem em relação aos partidos de direita. Disse Costa, numa altura em que estava a concorrer contra Seguro, que "quem ganha por poucochinho é capaz de poucochinho".

  • Jorge Coelho assume que PS teve resultado longe do que pediu
    2:55

    Novo Governo

    Numa reação ao que sai destas eleições, Pacheco Pereira disse que este é o pior cenário para António Costa. Já Lobo Xavier afirmou que o resultado da coligação superou as melhores expetativas. Na Quadratura do Círculo especial, o socialista Jorge Coelho disse que Costa foi moderado, mas reconheceu que esperava mais do PS.

  • António Costa rejeita acordo com Esquerda para "maioria do contra"
    1:56

    Novo Governo

    António Costa não se demite apesar da derrota eleitoral. O secretário-geral do PS assume todas as responsabilidades pelos resultados e diz que agora é tempo de analisar o que aconteceu. O socialista afirma ainda que compete à maioria formar Governo e rejeita um acordo com a Esquerda para fazer parte de uma maioria do contra.

  • Coreia do Norte foi "isolada à força"

    Mundo

    O empresário espanhol León Smit, que organiza visitas à Coreia do Norte, diz que o país foi "isolado à força", sendo "muito difícil" estabelecer relações comerciais com Pyongyang, sob o regime de Kim Jong-un.

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Segunda-feira no Jornal da Noite