sicnot

Perfil

Novo Governo

"Não vou sujeitar o país a uma espécie de chantagem política"

"Não vou sujeitar o país a uma espécie de chantagem política"

Pedro Passos Coelho acusa o PS de chantagem política e diz mesmo que o país está refém do jogo político-partidário de António Costa. No final da reunião da concertação social, o primeiro-ministro disse ainda que não aceita governar com o programa do PS e recusou marcar novas reuniões para fazer de conta que há negociações.

  • Reunião "absolutamente inconclusiva"
    3:05

    Novo Governo

    Passos Coelho diz que no encontro da coligação com o PS não se avançou rigorosamente nada. "A nossa reunião terminou de forma absolutamente inconclusiva, sem que do nosso lado tivesse ficado uma perceção daquilo que o PS pretende para que esta conversa possa ser consequente", disse aos jornalistas. PSD e CDS-PP estiveram reunidos durante mais de duas horas com António Costa para tentarem chegar a um entendimento quanto ao futuro governo, mas Costa considerou que as propostas levadas para a negociação eram insuficientes, cheias de lacunas e não respondem à vontade de se mudar de políticas.

  • António Vitorino espera que solução governativa dê garantias de estabilidade
    2:43

    País

    Pedro Santana Lopes entende que o Presidente da Repúbica deve nomear como primeiro-ministro quem ganhou as eleições - neste caso, o líder da coligação Portugal à Frente, Pedro Passos Coelho. Santana esteve esta terça-feira na SIC Notícias com António Vitorino. seja qual for o acordo que sair das atuais negociações, terá de dar ao país garantias de estabilidade.

  • Reunião entre PSD, CDS e PS termina sem qualquer acordo
    1:31

    País

    Terminou sem qualquer avanço nem qualquer acordo a reunião entre o PS, o PSD e o CDS. À saída Pedro Passos Coelho não escondeu a desilusão e as dúvidas sobre aquilo que o Partido Socialista realmente quer. Passos Coelho deu ainda nota que António Costa não gostou da proposta apresentada pela coligação.

  • Socialista Eurico Brilhante Dias contra governo de Esquerda liderado pelo PS
    1:36

    País

    O socialista Eurico Brilhante Dias mostrou-se esta terça-feira contra a formação de um governo de esquerda liderado pelo PS. Brilhante Dias esteve na SIC Notícias, onde considerou, aliás, que seria politicamente frágil e sem legitimidade uma solução governativa desse tipo. Já o social-democrata José Matos Correia criticou António Costa por falar como se tivesse ganho as eleições.

  • A Catalunha "está farta da prepotência e dos abusos do governo"
    0:30
  • "Não há um verdadeiro debate democrático em Espanha"
    2:24
    Quadratura do Círculo

    Quadratura do Círculo

    QUINTA-FEIRA 23:00

    No Quadratura do Círculo desta quinta-feira, José Pacheco Pereira disse que este braço de ferro em território espanhol reforça a linha autoritária que existe em Espanha. Jorge Coelho considera que é urgente recorrer à diplomacia para definir um caminho a médio ou a longo prazo. Já o gestor Manuel Queiró afirma que Portugal não deve encarar este referendo com condescendência. 

  • Uber perde licença para operar em Londres

    Economia

    O regulador de transporte de Londres decidiu hoje que vai retirar à Uber a licença para operar na capital britânica. A proibição entra em vigor no final deste mês e vai afetar 40 mil motoristas da empresa multinacional norte-americana.

  • A corrida ao iPhone 8 no Japão, China e Austrália
    2:04
  • Óculos inteligentes permitem controlar telemóvel com o nariz
    1:05
  • Família Portugal Ramos
    15:01