sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

"Tenho, graças a Deus, quem me possa substituir no Conselho" de Ministros

O vice primeiro-ministro, Paulo Portas, justificou a ausência no Conselho de Ministros de hoje em Lisboa com a importância de representar o Governo na Web Summit, em Dublin.

Cerimónia de tomada de posse do Governo

Cerimónia de tomada de posse do Governo

"Tenho, graças a Deus, quem me possa substituir no Conselho [de Ministros]", disse aos jornalistas portugueses, à margem de uma visita ao evento, que encerra hoje.

O número dois do Executivo falta assim à reunião do Conselho de Ministros na qual se discutirá o Programa do Governo PSD/CDS-PP que deverá ser entregue no parlamento na sexta-feira até às 12:00.

"Nunca deixaria de estar a representar Portugal naquilo que é para o nosso país um momento importante que significa acolher nos próximos três anos o maior encontro mundial da economia web, ou seja, da nova economia", vincou o presidente dos centristas.

A partir de 2016, a Web Summit, que este ano atraiu cerca de 30.000 delegados, entre empreendedores, investidores e profissionais do setor tecnológico, vai realizar-se em Lisboa.

A transição foi hoje discutida no palco principal, onde esteve Paulo Portas, acompanhado, entre outros, pelo presidente da AICEP, Miguel Frasquilho, o ex-secretário de Estado da Economia, Leonardo Mathias, com um dos fundadores do evento, Paddy Cosgrave.

Lusa

  • O percurso dos rendimentos de Ronaldo
    3:43

    Football Leaks

    O Ministério das Finanças espanhol abriu uma investigação a Cristiano Ronaldo, por eventuais irregularides na declaração dos rendimentos da publicidade. A Gestifute, empresa do agente do avançado do Real Madrid, garante que Ronaldo tem os impostos em dia. A investigação aos documentos extraídos da plataforma informática Football Leaks, liderada pela revista alemã Der Spiegel, e da qual faz parte o jornal Expresso, conseguiu traçar o percurso dos rendimentos do melhor jogador do mundo.

  • Fábio Coentrão investigado por suspeita de delitos fiscais
    3:37

    Football Leaks

    O Ministério Público de Madrid acusou o defesa português Ricardo Carvalho de evasão fiscal e está a investigar Fábio Coentrão por eventuais delitos fiscais. Além dos dois portugueses a justiça acusou ainda o espanhol Xabi Alonso, o argentino Ángel Di María e investiga o colombiano Falcão. As investigações surgem depois da revelação do caso Football Leaks, investigada pelo Expresso e pelo consórcio europeu de jornalistas que tiveram acesso a milhões de documentos.