sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Passos desafia PS a revisão constitucional para permitir novas eleições

O primeiro-ministro e presidente do PSD, Pedro Passos Coelho, desafiou esta quinta-feira o PS a aceitar fazer uma revisão constitucional extraordinária para que rapidamente possa haver novas eleições legislativas.

"Estou inteiramente disponível para dar o meu apoio a uma revisão constitucional extraordinária que garanta a possibilidade de o Parlamento ser dissolvido para que seja o povo português a escolher o seu Governo", afirmou Passos Coelho.

"Estou inteiramente disponível para dar o meu apoio a uma revisão constitucional extraordinária que garanta a possibilidade de o Parlamento ser dissolvido para que seja o povo português a escolher o seu Governo", afirmou Passos Coelho.

MIGUEL A. LOPES / Lusa

"Estou inteiramente disponível para dar o meu apoio a uma revisão constitucional extraordinária que garanta a possibilidade de o Parlamento ser dissolvido para que seja o povo português a escolher o seu Governo", afirmou Passos Coelho, numa sessão pública promovida pelo PSD e pelo CDS-PP, num hotel de Lisboa.

"Se aqueles que querem governar na nossa vez não querem governar como golpistas ou como fraudulentos, deveriam aceitar essa revisão constitucional e permitir a realização de eleições", acrescentou o chefe do executivo PSD/CDS-PP, que foi demitido na terça-feira através de uma moção de rejeição aprovada pelos partidos da oposição.

Lusa

  • País à espera de Cavaco Silva
    2:03

    Novo Governo

    Está tudo à espera de Cavaco Silva. O Presidente da República vai decidir qual é o próximo passo para a viabilidade governativa do país, depois da queda do executico da coligação PSD-CDS. Cavaco Silva recebe hoje em Belém o presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues e logo depois o ainda primeiro-ministro Pedro Passos Coelho. Uma agenda carregada para os próximos dias como conta o repórter da SIC, Pedro Benevides.

  • Cavaco começa a ouvir parceiros sociais
    2:18

    Novo Governo

    O país continua suspenso da decisão que Cavaco Silva vai tomar quanto ao futuro da governabilidade. O Presidente da República começa a ouvir os parceiros sociais esta sexta-feira, dois dias depois da moção de rejeição que fez cair do Governo PSD/CDS. Cavaco Silva reuniu esta quarta-feira com Pedro Passos Coelho, durante cerca de uma hora, sem quaisquer declarações. Antes, recebeu Ferro Rodrigues em audiência. O presidente da Assembleia da República sugeriu celeridade na resolução do impasse criado com a queda do Governo.

  • Novo dia de protestos contra expropriações na ilha do Farol
    2:30

    País

    A sociedade Polis Ria Formosa concluiu a tomada de posse das construções identificadas como ilegais na ilha do Farol, na Ria Formosa, em Faro. No segundo dia da operação, sob fortes protestos da população, os técnicos da Polis, escoltados pela Polícia Marítima, expropriaram hoje mais 18 construções.

  • Cunhado do Rei de Espanha em liberdade sem caução

    Mundo

    Inaki Urdangarin vai mesmo aguardar o desenrolar do recurso em liberdade na Suíça, onde o marido da Infanta Cristina tem residência oficial e onde terá de se apresentar às autoridades uma vez por mês, para além de estar obrigado a comunicar qualquer deslocação fora da Europa. De fora fica ainda o pagamento da caução de 200 mil euros pedida pelo Ministério Público espanhol.

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • "Isto é uma mentira e tem carimbo de Estado"
    2:12

    Opinião

    O preço das botijas de gás em Portugal duplicou nos últimos 15 anos. José Gomes Ferreira esteve no Jornal da Noite, da SIC, onde explicou este aumento, lembrando que a classe política prometeu que se houvesse mais empresas a operar no mercado, os preços desciam. Contudo, José Gomes Ferreira diz que "isto é uma mentira e tem carimbo de Estado". O Diretor-Adjunto de Informação SIC explicou que como o mercado é livre, os operadores vendem aos preços mais altos que podem, deste modo os preços não variam muito entre uns e outros.

    José Gomes Ferreira