sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

"Hoje o país ficou a ter um Governo"

O primeiro-ministro, António Costa, sublinhou hoje, no final de dois dias de discussão do programa do executivo que Portugal voltou a ter um Governo e agora o momento é para "trabalhar".

TIAGO PETINGA

SIC

"Hoje o país ficou a ter um Governo", vincou o primeiro-ministro, numa curta declaração aos jornalistas no final de dois dias de discussão do programa do XXI Governo constitucional, por si liderado.

"É altura de virar a página, de as instituições funcionarem normalmente, e hoje o país ficou a ter um governo e isso significa que vamos poder concentrar-nos no trabalho que temos a fazer", prosseguiu o primeiro-ministro.

PS, BE, PCP e PEV chumbaram hoje na Assembleia da República a moção de rejeição ao Programa do XXI Governo Constitucional apresentada pelo PSD e o CDS-PP.

O PAN (Pessoas-Animais-Natureza) absteve-se e PSD e CDS-PP votaram favoravelmente a moção de rejeição ao Programa do XXI Governo Constitucional que apresentaram.

A maioria de esquerda viabilizou, assim, o Governo liderado por António Costa que, após tomar posse há uma semana, passa a estar na plenitude de funções depois de ver apreciado o seu Programa no parlamento, conforme estipula a Constituição.

A Lei Fundamental estabelece, no artigo 186, que "antes da apreciação do seu programa pela Assembleia da República, ou após a sua demissão, o Governo limitar-se-á à prática dos atos estritamente necessários para assegurar a gestão dos negócios públicos".

Lusa

  • Passos Coelho pede desculpa aos portugueses
    3:35
  • Pyongyang compara Trump a Hitler

    Mundo

    A Coreia do Norte compara o Presidente norte-americano Donald Trump a Adolf Hitler. Pyongyang já acostumou o mundo à sua linguagem "colorida" quando critica os seus inimigos. Mas comparações com o responsável por mais de 60 milhões de mortes são muito raras.

  • Glifosato na lista de produtos cancerígenos na Califórnia

    Mundo

    O estado norte-americano da Califórnia, nos Estados unidos, pode vir a obrigar o fabricante do popular herbicida Roundup a comercializar o produto com um rótulo que informe os consumidores de que o produto é cancerígeno. O glifosato, princípio ativo do herbicida Roundup fabricado pela Monsanto, consta de uma lista que vai ser divulgada na Califórnia, a 7 de julho, de produtos químicos potencialmente cancerígenos.