sicnot

Perfil

Liga Europa

Liga Europa

Liga Europa

Adeptos do Légia destroem bar frequentado por apoiantes do Ajax

Um grupo de adeptos do Légia de Varsóvia destruiu, na madrugada desta quarta-feira, um bar da capital polaca frequentado por adeptos do Ajax, antes do jogo entre as duas equipas para a Liga Europa de futebol.

Polacos e holandeses defrontam-se às 20:05 na primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa. Em comunicado, o Légia, que foi adversário do Sporting na Liga dos Campeões, condenou a violência de "adeptos radicais" e recordou que os acontecimentos que ocorram fora do estádio são competência da polícia e do sistema judicial.

"Como clube de futebol, não temos capacidade para identificar as pessoas que cometem estes atos violentos fora do estádio", reagiu o clube.Segundo a agência noticiosa EFE, adeptos encapuçados e vestidos de preto entraram no espaço, no interior de um hostel onde ficaram alojados vários adeptos do Ajax, e destruíram mobiliário e janelas, com os clientes e funcionários do espaço a não oferecerem resistência.

Ninguém ficou ferido, segundo relatos da imprensa local, enquanto a polícia já está no terreno para investigar o caso.A 18 de outubro de 2016, adeptos radicais do Légia criaram problemas em Madrid, o que levou a um confronto com a polícia espanhola, antes do jogo com o Real Madrid, que os espanhóis venceram 5-1.

A UEFA sancionou, então, a equipa polaca, que disputou o segundo jogo com os campeões europeus em título à porta fechada (3-33).

Lusa

  • Pelo menos dois feridos em confrontos entre adeptos do Benfica e do Braga
    1:55

    Desporto

    Antes do jogo do Benfica e do Sporting de Braga, registaram-se confrontos entre os adeptos, no Estádio Municipal de Braga. Os confrontos causaram pelo menos dois feridos. Os benfiquistas queixaram-se de agressões e criticaram a ausência da polícia. Várias viaturas foram danificadas durante os distúrbios e a PSP chegou a separar adeptos do Braga e do Benfica.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Donald Trump culpa imigrantes por ataque que nunca existiu
    1:01
  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.