sicnot

Perfil

Marcelo sucede a Cavaco

Marcelo sucede a Cavaco

Marcelo sucede a Cavaco

Marcelo Rebelo de Sousa jurou a Constituição

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, jurou hoje cumprir e fazer cumprir a Constituição da República Portuguesa, num juramento feito num exemplar original de 1976.

LUSA

Cerca das 10:12 horas, o presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, segurou o exemplar da Constituição no qual Marcelo Rebelo de Sousa jurou, pela sua honra, defender, cumprir e fazer cumprir a Lei Fundamental.

A declaração de compromisso do novo Presidente, perante toda a sala das sessões em pé, foi realizada numa edição original da Lei Fundamental de 1976, datilografada e encadernada a vermelho com letras douradas.

Seguidamente, tocou o hino nacional pela banda da GNR, presente nos Passos Perdidos, e foi entoado igualmente pelos presentes, sendo audível particularmente a voz do presidente da República, Ferro Rodrigues.

Lusa

  • Brinquedos tecnológicos para oferecer no Natal
    5:33
  • Aniversário de Marcelo passado nas comemorações dos 700 anos da Marinha
    1:45

    País

    O Presidente da República defende que é preciso continuar a investir na Armada, nas pessoas, nas capacidades e no apoio de retaguarda. No dia em que fez 69 anos, Marcelo Rebelo de Sousa esteve nas comemorações dos 700 da Marinha, onde sublinhou os sete séculos de conquistas e de combates navais.

  • Rui Rio comprometeu-se a realizar apenas dois debates
    0:45

    País

    Rui Rio disse esta terça-feira que foi apanhado de surpresa com a mudança de posição de Pedro Santana Lopes, que exige três debates entre os dois candidatos à liderança do PSD nos canais generalistas. Rui Rio reiterou ainda que se comprometeu a fazer apenas dois debates.

  • Costa anuncia reunião sobre neutralidade carbónica em fevereiro
    2:03

    País

    O Presidente francês defende que é preciso ir mais longe e mais rápido na luta contra as alteração climáticas, numa resposta à decisão de Donald Trump de retirar os EUA do Acordo de Paris. Em fevereiro, será a vez de Portugal organizar uma reunião sobre energia e transportes.