sicnot

Perfil

Rumo ao Mundial 2018

Rumo ao Mundial 2018

Rumo ao Mundial 2018

Suíça vence em Andorra e lidera grupo de Portugal

© Albert Gea / Reuters

A Suíça manteve esta segunda-feira a campanha vitoriosa no Grupo B de qualificação para o Mundial de futebol de 2018, com um triunfo tangencial em Andorra (2-1), enquanto a Hungria fez valer a lógica, impondo-se na Letónia (2-0).

Depois de vitórias sobre Portugal (2-0), em Basileia, e na deslocação à Hungria (3-2), a Suíça continua a liderar o grupo, com nove pontos, mais três do que a seleção lusa, que hoje foi às Ilhas Faroé obter o seu segundo triunfo (6-0) e saltou para a segunda posição.

Em Andorra-a-Velha, a seleção helvética colocou-se em vantagem aos 19 minutos, numa grande penalidade transformada por Schär, mas, apesar do domínio, a aguardada goleada sobre a seleção mais fraca do grupo não aconteceu e o segundo golo só chegou aos 77, apontado por Mehmedi.

Com as coisas aparentemente controladas, num jogo em que teve 78% de posse de bola, a Suíça sofreu um golo aos 90+1 minutos, marcado por Martínez no primeiro remate enquadrado dos andorranos, e acabou o jogo em 'agonia'.

A Hungria também dominou em Riga e expressou o ascendente com golos de Gyurcsó, aos 10 minutos, e de Szalai, aos 77, que deram à seleção magiar o seu primeiro triunfo nesta fase e permitiram-lhe ascender ao terceiro posto do grupo, com quatro pontos, tantos quanto as Ilhas Faroé.

Letónia, com três pontos, e Andorra, só com derrotas, seguem nas últimas posições do grupo, cujo primeiro classificado se qualifica diretamente para a fase final do Mundial, na Rússia.

Lusa

  • Incêndio de Setúbal "quase dominado"
    4:04

    País

    O incêndio que deflagrou segunda-feira em Setúbal está "quase dominado", segundo informações da presidente da Câmara. Maria das Dores Meira diz que não há feridos a registar e que os habitantes já vão regressando a casa. Para ajudar no combate ao fogo foram enviados meios de Lisboa.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.