sicnot

Perfil

Rumo ao Mundial 2018

Rumo ao Mundial 2018

Rumo ao Mundial 2018

Vitória da Alemanha e algumas surpresas no apuramento para o Mundial

A seleção germânica assumiu a liderança do Grupo C de qualificação para o Mundial2018 com um triunfo caseiro sobre a Irlanda do Norte, por 2-0.

© Reuters Staff / Reuters

A Alemanha assumiu esta terça-feira a liderança do Grupo C de qualificação para o Mundial2018 de futebol, com um triunfo caseiro sobre a Irlanda do Norte, por 2-0, num último dia da terceira jornada europeia marcada por algumas surpresas.

Enquanto os germânicos continuam imparáveis, com um registo totalmente vitorioso, a Inglaterra ficou a zero na Eslovénia, a República Checa deixou-se empatar em casa com o Azerbaijão (0-0) e a Dinamarca foi surpreendida por Montenegro, que foi a Copenhaga vencer (1-0).

Em Hannover, os campeões mundiais cedo chegaram a um vantagem de dois golos, por Draxler, aos 13 minutos, e Khedira, aos 17, e acabaram por gerir o encontro até final, perante uma formação irlandesa que raramente incomodou o guarda-redes Manuel Neuer.

Com este triunfo, a Alemanha passou a liderar isolada o Grupo C com nove pontos, mais dois que o inesperado Azerbaijão, que foi a Praga reforçar a ideia de que está na luta pelo apuramento. Os checos somam apenas dois pontos.

No mesmo agrupamento, em Oslo, São Marino ainda sonhou com o empate, quando fez o 1-1 na segunda parte, mas a Noruega acabou por chegar à goleada (4-1), alcançado a sua primeira vitória.

Depois de um triunfo caseiro pouco convincente perante Malta (2-0), na estreia do selecionador interino Gareth Southgate, a Inglaterra não foi além do 'nulo' na Eslovénia, falhado os primeiros pontos no Grupo F.

Mesmo assim, os ingleses continuam na liderança, com sete pontos, mais dois do que Eslovénia e Lituânia, que recebeu e bateu por 2-0 a seleção de Malta, que acabou a partida reduzida a 10 unidades.

Num mau dia para as equipas britânicas, a Escócia sofreu uma pesada derrota por 3-0 na Eslováquia, que somou o primeiro triunfo, muito graças ao 'bis' do extremo Robert Mak.

A maior surpresa aconteceu no Grupo E, com Montenegro a vencer em Copenhaga com um golo solitário de Beqiraj, aos 32 minutos. Vukcevic, médio do Sporting de Braga, foi titular na formação forasteira.

Montenegro até podia ter terminado a noite isolado na liderança do agrupamento, mas um golo de Lewandowski, aos 90+5 minutos, garantiu à Polónia um sofrido triunfo sobre a Arménia, por 2-1.

Em Varsóvia, os polacos jogaram mais de uma hora com mais uma unidade, devido à expulsão do arménio Andonian, aos 30 minutos, mas só chegaram a vitória no último lance do jogo. Com um autogolo, Mkoyan colocou os polacos na frente, aos 48 minutos, mas Pizzelli, aos 50, refez a igualdade e fez a sua equipa acreditar no empate.

Polónia e Montenegro ficaram a somar sete pontos, mais dois do que a Roménia, que é terceira classificada depois de empatar a zero no Cazaquistão.

Lusa

  • "Sempre nos disseram que bastava o Aves ganhar para estar na Liga Europa"
    0:34

    Desporto

    O Presidente da SAD do Desportivo das Aves garante que não houve esquecimento ou atraso na inscrição do clube na Liga Europa. Luiz Andrade afirma que sempre lhe disseram que bastava vencer a Taça de Portugal para marcar presença na competição e que ainda não sabe se o clube pode ou não jogar a fase de grupos da competição europeia.

  • "Fui violada por Harvey Weinstein aqui em Cannes"
    1:02

    Cultura

    A cerimónia de encerramento do Festival de Cinema de Cannes ficou ainda marcada pelo discurso de Asia Argento. A atriz italiana que acusou Harvey Weinstein de a ter violado justamente numa das edições do festival de Cannes, e que há mais abusadores à solta.

  • As primeiras imagens das quatro crias da lince Malva
    0:20
  • Exército sírio declara Damasco "totalmente segura"

    Mundo

    O exército sírio proclamou esta segunda-feira a capital Damasco e também os arredores, como locais "totalmente seguros". O anúncio foi feito em clima de festa, depois de os militares terem reconquistado os bairros do sul da cidade, até agora nas mãos do Daesh.