sicnot

Perfil

Nicolau Breyner 1940-2016

Santana Lopes relembra o sorriso franco e olhar terno e meigo de Nicolau Breyner

Santana Lopes relembra o sorriso franco e olhar terno e meigo de Nicolau Breyner

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa relembrou, esta tarde, o sorriso franco e olhar terno e meigo de Nicolau Breyner. Pedro Santana Lopes disse ainda que Nicolau deu-nos tantas personagens e ao mesmo tempo era sempre um ser igual a si próprio enquanto ser humano na sua simpatia e generosidade. É mais uma nome muito grande da cultura portuguesa que parte e que tanto nos fez rir e agora deixa-nos a chorar, acrescentou.

  • O Nokia 3310 está de volta
    1:16