sicnot

Perfil

OE 2016

OE 2016

Orçamento do Estado 2016

Cultura em Luta protesta em dia de votação do OE 2016

A plataforma Cultura em Luta está hoje em protesto, junto à Assembleia da República, em Lisboa, dia em que está prevista a votação na generalidade da proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2016.

(Lusa/ Arquivo)

(Lusa/ Arquivo)

TIAGO PETINGA

Em declarações à agência Lusa, Pedro Penilo, do grupo de coordenação da Plataforma Cultura em Luta, disse que, no que toca à cultura, "a ideia que fica é de uma oportunidade perdida, quando há um quadro político novo, que poderia permitir uma política para a cultura com horizonte e não há nada que aponte nesse sentido".

A plataforma Cultura em Luta, que reúne mais de 50 estruturas ligadas à cultura, apresenta hoje uma posição conjunta e alargada sobre o OE para 2016, num protesto junto às escadarias da Assembleia da República, em Lisboa, na altura em que os deputados vão votar o documento na generalidade, que antecede a apreciação da proposta, pelas diferentes comissões parlamentares, antes da votação final, agendada para 23 de março.

A plataforma defende que 1% do OE devia ser o "patamar mínimo" de investimento na cultura e que o ideal será ter 1% do Produto Interno Bruto aplicado ao setor.

Num documento conjunto, assinado em janeiro, a Cultura em Luta lamentava a existência há vários anos de uma "política de destruição do país, da cultura e das vidas das pessoas, que conduziu a uma situação de prolongada crise da actividade cultural e do tecido social que a dinamiza".

"Esta crise tem origem numa longa série de opções de sucessivos governos por uma política de desprezo pelo papel vital da cultura, no corpo da sociedade e da democracia", lê-se no documento.

Entre os subscritores deste documento estão a Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas, a Associação Portuguesa de Realizadores, a Federação Nacional dos Professores e o Sindicato dos Músicos, dos Profissionais do Espetáculo e do Audiovisual, o Teatro Praga e o Teatro Experimental do Porto.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.