sicnot

Perfil

Pokémon Go

Pokémon Go

Pokémon Go

Jovem detido por caçar Pokémons no interior de igreja ortodoxa

Um jovem foi detido na Rússia por ter entrado numa igreja ortodoxa para caçar Pokémons e colocado na internet um registo do ato em vídeo, arriscando cinco anos de prisão, indicaram este sábado as autoridades locais.

Acusado de apelar ao ódio, e por atentado à liberdade religiosa, o jovem de 20 anos, residente em Ekaterinboug, na região dos Montes Urais, vai estar detido por dois meses para um eventual processo judicial.

De acordo com as autoridades russas responsáveis pelo inquérito, no vídeo difundido em agosto na plataforma de filmes YouTube, com 500.000 visionamentos, Rouslan Sokolovksi insurge-se contra a proibição de jogar Pokemon Go - jogo de realidade aumentada de grande sucesso mundial - em igrejas.

"Quem vamos ofender só por estar a usar um 'smartphone' numa igreja?", interroga-se o jovem antes de se dirigir a uma das principais igrejas de Ekatérinboug.

Em seguida, surge dentro da igreja a procurar Pokémons durante um serviço religioso, e a caçar várias das criaturas virtuais multicoloridas, ao mesmo tempo que ironiza sobre a existência de Jesus, e faz passar em fundo uma música com falsas orações.

As autoridades revistaram a residência do jovem, e descobriram vários vídeos que apresentam "sinais de apelos ao ódio" e num deles "atentados à liberdade de consciência ou credo".

Muitos dos vídeos são fortemente críticos do poder da igreja ortodoxa, defensora dos valores conservadores face à suposta perda de valores no Ocidente.

Por seu turno, o advogado do jovem sustenta que as autoridades estão a exercer "pressão psicológica" e procuram fazer deste um caso "exemplar" para o futuro.

Oficialmente o jogo Pokemon Go não está disponível para ser usado na Rússia, mas muitos fãs conseguiram adquiri-lo por outros meios.

Lusa

  • Prisão preventiva para homicida de Barcelos
    1:43

    País

    O alegado homicida de Barcelos vai ficar em prisão preventiva, por quatro crimes de homicídio. Adelino Briote foi ouvido este sábado de manhã no Tribunal de Braga, depois de na sexta-feira ter alegadamente degolado quatro pessoas na freguesia de Tamel, em Barcelos.

  • Homem suspeito de matar a mulher em Esmoriz

    País

    Um homem é suspeito de ter esfaqueado este sábado mortalmente a mulher em Esmoriz, concelho de Ovar, num contexto de violência doméstica, disse à agência Lusa fonte da Guarda Nacional Republicana (GNR).

  • Morte de portuguesa no Luxemburgo afinal não aconteceu

    País

    A morte de uma portuguesa em Bettembourg, no sul do Luxemburgo, não terá acontecido. O Jornal do Luxemburgo avançou, esta manhã, que a emigrante portuguesa tinha sido baleada mortamente pelo filho, uma informação entretanto desmentida por outro jornal online. Segundo o Bom Dia Luxemburgo, o que aconteceu foi afinal uma rusga policial.

  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Hora do Planeta, apagam-se as luzes para despertar consciências
    2:19
  • Milhares nas cerimónias fúnebres de dirigente do Hamas

    Mundo

    Milhares de palestinianos participaram nas cerimónias fúnebres de um dirigente do Hamas, assassinado esta sexta-feira, na Faixa de Gaza. Vários homens armados acompanharam o cortejo fúnebre até à mesquita, onde se fizeram as últimas orações.