sicnot

Perfil

2015 em revista

SIC no terreno em 2015: a crise dos refugiados e a Grande Reportagem "Depois da Fraude"

SIC no terreno em 2015: a crise dos refugiados e a Grande Reportagem "Depois da Fraude"

Com o fim de 2015, é importante destacar alguns dos trabalhos que foram feitos ou premiados, precisamente durante esse ano, pela redação da SIC. Neste bloco de imagens, a jornalista Cândida Pinto e o repórter de imagem Rogério Esteves falam da experiência que tiveram a acompanhar a entrada, na Europa, dos refugiados. Mais à frente, o jornalista Pedro Coelho, o repórter de imagem Luís Pinto e o editor de imagem Ricardo Tenreiro explicam como foi fazer a Grande Reportagem "Depois da Fraude", vencedora, em 2015, com um Gazeta de Televisão.

  • SIC no terreno em 2015: o Rock in Rio Las Vegas e a Reportagem Especial "No Coração da Águia"
    4:48

    2015 em revista

    Nos primeiros dias do novo ano, passamos em revista alguns trabalhos feitos pela redação da SIC em 2015. Começamos com Cultura, com o testemunho de Graça Costa Pereira, editora da área, sobre o acompanhamento que fez, juntamente com o repóter de imagem Edgar Ascensão e o editor de imagem Marco Carrasqueira, do Rock in Rio que se realizou, pela primeira vez, em Las Vegas. Seguimos para o Desporto, com a Reportagem Especial "No Coração da Águia" onde o jornalista, Nuno Luz, o repórter de imagem, Fernando Silva e o editor de imagem, Luís Gonçalves, nos contam o que se passou nos bastidores do trabalho.

  • Polícias ameaçam com protestos no arranque do campeonato
    1:24

    País

    Os agentes da PSP ameaçam boicotar a presença nos jogos do campeonato da Primeira e Segunda ligas que começam em 15 dias. Os agentes colocam em causa o atual modelo de policiamento no futebol, que faz com que muitos dos profissionais da PSP trabalhem sem remuneração em dia de folga.

  • 700 milhões para armamento e equipamento militar
    1:16

    País

    Portugal vai investir nos próximos anos 700 milhões de euros em armas e equipamento militar. Segundo a imprensa de hoje, o objetivo é colocar algumas áreas das Forças Armadas a um nível similar ao dos outros aliados da NATO. É o maior volume de programas de aquisição dos últimos anos e parte das verbas vão beneficiar a indústria portuguesa que fabrica aviões, navios-patrulha, rádios e sistemas de comando e controlo.

  • Princesa Diana morreu há 20 anos. Filhos falam pela 1ª vez da intimidade
    1:15