sicnot

Perfil

2015 em revista

SIC no terreno em 2015: a crise dos refugiados e a Grande Reportagem "Depois da Fraude"

SIC no terreno em 2015: a crise dos refugiados e a Grande Reportagem "Depois da Fraude"

Com o fim de 2015, é importante destacar alguns dos trabalhos que foram feitos ou premiados, precisamente durante esse ano, pela redação da SIC. Neste bloco de imagens, a jornalista Cândida Pinto e o repórter de imagem Rogério Esteves falam da experiência que tiveram a acompanhar a entrada, na Europa, dos refugiados. Mais à frente, o jornalista Pedro Coelho, o repórter de imagem Luís Pinto e o editor de imagem Ricardo Tenreiro explicam como foi fazer a Grande Reportagem "Depois da Fraude", vencedora, em 2015, com um Gazeta de Televisão.

  • SIC no terreno em 2015: o Rock in Rio Las Vegas e a Reportagem Especial "No Coração da Águia"
    4:48

    2015 em revista

    Nos primeiros dias do novo ano, passamos em revista alguns trabalhos feitos pela redação da SIC em 2015. Começamos com Cultura, com o testemunho de Graça Costa Pereira, editora da área, sobre o acompanhamento que fez, juntamente com o repóter de imagem Edgar Ascensão e o editor de imagem Marco Carrasqueira, do Rock in Rio que se realizou, pela primeira vez, em Las Vegas. Seguimos para o Desporto, com a Reportagem Especial "No Coração da Águia" onde o jornalista, Nuno Luz, o repórter de imagem, Fernando Silva e o editor de imagem, Luís Gonçalves, nos contam o que se passou nos bastidores do trabalho.

  • "É evidente que não fecho a porta ao Eurogrupo"
    1:38

    Economia

    O ministro das Finanças diz que não fecha a porta ao Eurogrupo. A declaração é feita numa entrevista ao semanário Expresso. No entanto, Mário Centeno deixa a ressalva que qualquer ministro das Finanças do Eurogrupo pode ser presidente.

  • Itália tenta colocar migrações na agenda do G7 contra vontade dos EUA
    1:45
  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.