sicnot

Perfil

Rio 2016

Incêndio na aldeia olímpica obrigou uma centena de atletas a abandonar o local

Incêndio na aldeia olímpica obrigou uma centena de atletas a abandonar o local

As instalações da comitiva olímpica australiana foram evacuadas devido a um incêndio esta sexta-feira na aldeia olímpica, no Rio de Janeiro. Cerca de uma centena de atletas teve de abandonar o local depois das chamas terem deflagrado na cave do edifício. A chefe da missão olímpica australiana diz que o incidente revela que a cidade não está preparada para receber um evento como os Jogos Olímpicos.

Não há registo de feridos mas o incidente levou o chefe de missão australiana a convocar uma reunião de emergência com os organizadores do evento e com o Comité Olímpico internacional.

Suspeita-se que o fogo terá começado num caixote do lixo, na sequência de uma beata mal apagada. A comitiva australiana mostra-se desagrada com as condições que encontrou na chegada ao Rio de Janeiro. Outras comitivas também encontraram casas de banho inacabadas, infiltrações e falta de limpeza em alguns apartamentos.

  • "A vitória de Bruno de Carvalho pode ser uma vitória de Pirro"
    1:01
    O Dia Seguinte

    O Dia Seguinte

    2ªFEIRA 21:50

    As eleições para a presidência do Sporting realizam-se no próximo sábado e os comentadores d'O Dia Seguinte avaliaram já as hipóteses de vitória dos candidatos. Rui Gomes da Silva considera que a gravação que implicava José Maria Ricciardi não vai influenciar a decisão de voto. Já Paulo Farinha Alves acredita que Bruno de Carvalho vai vencer a eleição. Contudo José Guilherme Aguiar avisa as eleições podem não trazer estabilidade ao Sporting.

  • SIC revela relatório que provava falência do GES
    2:06
  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26
  • Vulcão Etna em erupção
    1:34
  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22
  • Como a maioria de Esquerda gere as votações
    2:15

    País

    A gestão entre os partidos é feita diariamente mas nem sempre PCP e Bloco de Esquerda têm votado ao lado do Governo. A SIC ouviu um politólogo, que diz que o objetivo é cada um salientar as diferenças que os separam do PS. No entanto, também há exemplos que provam que nenhum dos partidos quer pôr em causa a estabilidade política.