sicnot

Perfil

Rio 2016

Operação policial em favelas do Rio de Janeiro a dois dias da abertura dos Jogos

A polícia brasileira realizou esta quarta-feira, dois dias antes da abertura dos Jogos Olímpicos, uma grande operação policial contra o tráfico de drogas no complexo de favelas do Alemão, zona oeste da cidade do Rio de Janeiro.

Segundo informações da imprensa brasileira, registaram-se trocas de tiros entre os agentes da autoridade e os traficantes, havendo a confirmação de um ferido ligeiro entre a polícia.

A operação foi coordenada pelas polícias civil e militar e contou com a participação de 450 efetivos.

Os agentes da polícia foram ao complexo de favelas cumprir dezenas de mandados de prisão contra pessoas envolvidas com tráfico de drogas, tendo sido detidos pelo menos dez.

A segurança pública é uma das maiores preocupações dos organizadores dos Jogos Olímpicos e do governo brasileiro, que mobilizou cerca de 85 mil homens das polícias civil e militar e das forças armadas para garantir a segurança do evento.

A cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos está marcada para sexta-feira.

Lusa

  • O encontro emocionado de Marcelo com a mãe de uma das vítimas dos fogos
    0:30
  • Proteção Civil garante que já não há desaparecidos
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • O sorriso de Jorge Jesus quando soube que o símbolo da Juventus mudou
    1:21

    Desporto

    A Juventus surpreendeu grande parte do mundo do futebol quando alterou completamente o emblema. Agora, o símbolo faz lembrar as iniciais do nome do treinador do Sporting. Jorge Jesus não sabia, mas ficou esta terça-feira a saber e parece ter gostado. O técnico de Alvalade regressa quarta-feira ao estádio da equipa italiana, que conhece muito bem.