sicnot

Perfil

Rio 2016

Usain Bolt na final dos 4x100 procura o terceiro ouro

© Lucy Nicholson / Reuters

A confirmação de Usain Bolt pela terceira vez consecutiva em Jogos Olímpicos na prova de 4x100 domina hoje o programa de finais do atletismo olímpico do Rio 2016, numa jornada em que se atribuem sete títulos, incluindo as estafetas de 4x100 metros.

Na estafeta masculina, a Jamaica, comandada por Bolt, é a grande favorita e se vencer, como tudo aponta, o lendário velocista fecha a sua carreira olímpica com nove medalhas de ouro - 100, 200 e estafeta, sucessivamente em 2008, 2012 e 2016.

Além dos 4x100, o estádio olímpico, conhecido por Engenhão, recebe ainda a corrida decisiva de 5.000 metros femininos, em que a recente recordista mundial dos 10.000, a etíope Almaz Ayana, promete a 'dobradinha'.

Em termos de concursos, disputa-se a final do salto com vara feminino, órfã da russa Elena Ysinbayeva, impedida de defender o título, e o do lançamento do martelo, masculinos. Fora do estádio, há as provas de 20 km marcha, femininos, e 50 km marcha.

No futebol, haverá inédita campeã olímpica feminina no Suécia-Alemanha, já que, até hoje, houve quatro títulos para os Estados Unidos e um para a Noruega.

As suecas, que foram quartas em Atenas2014, foram mesmo a grande surpresa da competição, ao afastar as favoritas seleções dos Estados Unidos e do Brasil, ambas já no desempate por grandes penalidades.

A Alemanha, que conquistou o bronze em Sydney200, Atenas2004 e Pequim2008, lutando pelo seu primeiro título.

No polo aquático feminino, os Estados Unidos defendem o título frente à campeã olímpica em Atenas2004, a Itália, enquanto Hungria e Rússia lutam pelo bronze.

No hóquei em campo feminino, a Holanda procura o 'tri', numa final com a Grã-Bretanha, mealha de bronze em Londres2012, enquanto Nova Zelândia e Alemanha disputam o terceiro lugar.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".